Parceria
SIGMA CAMISETAS
Votação

Quem você quer entrevistar?

64% 64% [ 9 ]
36% 36% [ 5 ]

Total dos votos : 14


A Party every Day and Night

Página 12 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... , 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Seg Abr 02, 2012 2:45 pm

anuah escreveu:amei sua fanfic, le e comenta na minha?
Olha querida,
eu fico meio sem graça de falar isso,
mas eu acho um pouquinho estranho ir nas fics e ficar pedindo para ler a sua,
eu li e achei otima, mas eu não vou me inscrever ne outro forum naumm,
acho que resolveria este impasse se você postasse aqui a fic,
assim facillitari muito a vida de algumas,
alem de acabar com a minha vergonha de negar o coment que vc quer tanto.
poste aquie a fic amore,
assim vc não acha que teria mais leitoras?
bjoo
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Seg Abr 02, 2012 2:49 pm

Gláucia escreveu:
isabela c tonon escreveu:
Delena_Somerhalder escreveu:Isaaaaa vo chorar aki!!! não ta postando mais!!! to ficando super ansiosa aki para essa viagem que tenho certeza que vai ser "muito decente" (tomara que não Twisted Evil ) kkkkkk
posta mais quando puder amr!!

be
ijosss
Paty!
Pati, amore,
sorry não ter postado sexta, o capt estava confuso, eu tive que re-organiza-lo..
ele já esta proto e agorinha msm eu posto,
só eu terminar de responder aquie...
eu posto o tanto que eu posso, faço o max para ser breve,
espero que goste do prox.
mts mudanças acontesem..
Very Happy
acho que não vai ser desenteeeee nããããããoooooooo
hehe' Twisted Evil
bjix!!!

P.S: amore, você tem mae aqui no forum?
se não... quer ser minha filhinha?
U.U juro que sou boazinha...
Very Happy


EU APOIO E CONFIRMO PATY
MAMÃE É UM AMORRRRRRRRR!!!!!!!!!!!!!!
hahahahahaha....
thanks filhota...
U_U
fico feliz de mais em saber que sou boa mãe...
Very Happy
vc é um amor gatinha...
T-ADORO!!!


Última edição por isabela c tonon em Seg Abr 02, 2012 2:51 pm, editado 1 vez(es)
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Seg Abr 02, 2012 2:50 pm

Gláucia escreveu:Mamisssss... quando tem mais caps????????
Agorinha minha linda,
só eu terminar de responder você e eu já posto...
acabei com o dilema da Elena...
acho que vão gostar...
AMOREEEEE....
eu adorei a sua nova fic...
tem mt futura tá???
incrivel...
quero mais tá?
bjinhossss
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Seg Abr 02, 2012 3:04 pm

Amores, adiei os finalmentes da viajem por mais um capt.
me desculpem,
mas antes de acontecer alguma coisa eu preferi (e tambem achei melhor)
que eu resolvesse o tão custoso e infadonho dilema de Elena Gilbert
É um problema na vida das fans da série e que eu preferi evitar aqui...
bom, espero que aproveitem a gostem deste capt.
ele é um misto de Comedia, Sacanagem & Surpresas...
para saberem o que vai rolar leem..
;D
BOA LEOTURA P/ TDS!!!


-----------------x-----------------
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Seg Abr 02, 2012 3:05 pm


Capitulo 6

Miami, aqui vamos nós!


POV Indefinido:


Ambos haviam embarcado no avião normalmente e assumidos suas cadeiras na primeira classe.

Uma era ao lado da outra, o que com certeza havia sido ideia de Damon, mesmo antes de o avião decolar eles já estavam conversando descontraidamente sobre os diferentes locais que poderiam ter de destinos nas futuras viagens.

Elena ainda estava cautelosa com os rumores á respeito daquela cidade, mas tinha certeza que iria se divertir muito, por que, afinal, quem consegue resistir á Miami?

Ela nunca havia ido até lá, mas estava muito animada para ir.

Logo Damon estava lhe contando das vezes que tinha passado por lá e das histórias malucas que tinha presenciado.

-... Aí, quando a mulher do cara entrou no hotel ela foi direto para a suíte deles, que era do lado da minha, para saber que história era aquela de que haviam visto seu marido trocando carinho com outra pessoa, quando eu a encontrei no corredor ela estava falando mais palavrões em uma só sentença do que eu consigo falar em uma hora, mulheres conseguem falar na velocidade da luz. _ comentou ele rindo no meio da história._ Ela jogava coisas e pisava duro, ameaçava o cara e tudo mais, ela até jogou uma vaso de vidro na parede quando passava. Quando ela chegou à porta do quarto e ouviu gemidos ela enlouqueceu ainda mais, se é que isso é possível...

A História que Damon contava para ela era envolvente, Elena se mantia na expectativa para saber mais, com a mão pequenina sob o queixo ela o encarava com curiosidade para saber o resto da hilariante história.

- E então? O que aconteceu? _ perguntou a morena ansiosa.

- Ela praguejou e começou a bater na porta: “Antônio! Abra essa porta!” ela gritava, “Abra já essa porta!”, eu fiquei rindo quieto, mas também estava muito curioso para saber por quem o marido a havia trocado, porque a mulher era muito bonita... _ ouvir Damon chamar outras mulheres de bonita a deixara um pouco triste, mas Elena não se deixou abater._ Aí eu ouvi com a minha audição apurada que o barulho estrondoso da cama batendo na parede havia sessado e sem mentira, estava tremendo as paredes, foi quando a mulher voltou a chamar o tal de Antônio, “Antônio Gomes Nunes! Abra essa porta!”, o cara falou lá dentro do quarto para a outra pessoa se esconder, aí eu ouvi pessoas correndo e um barulho de agua, aí na porta apareceu um cara barrigudo de samba canção totalmente sem folego falando, “Oi meu amor, eu não te escutei antes, está tudo bem?” ai a mulher falou, “Com quem você estava Toninho? Eu ouvi a cama bater na parede e os gemidos, você tá me traindo?” e ele falou, “Claro que não meu amor, eu estava assistindo o canal pornô.” Ai a mulher perguntou se podia procurar aí o ‘Toninho’ começou a gaguejar, claro que eu fiquei vendo pela a porta aberta a mulher caçar de baixo da cama, que estava toda revirada, dentro do guarda-roupas, e em outros lugares, e o cara falando que era besteira e que não havia nada, mas quando a mulher foi no banheiro, ela gritou, mais gritou tão alto que chegou a doer meus ouvidos, e eu lá na porta, só assistindo e rindo da situação, aí é quando me saí do banheiro um menino de uns 22 anos molhado e pelado, aí eu ri de mais, o cara começou a falar que não sabia como aquele menino parou ali, mas se eu te contar você não acredita, o menino era o recepcionista do hotel, foi nessa hora que eu comecei a rir e falei, “Dona, acho que essa coca é Fanta heim?” e ela começou a chorar porque o marido tinha traído ela com um homem, e ainda por cima o pior era que eles estavam em lua-e-mel, essa história é uma das muitas que eu tenho de Miami. _ finalizou Damon e Elena se pocava de rir com a história maluca. Os dois riram juntos por alguns instantes.

- Eu fiquei com pena dessa mulher. _ Elena comentou uns instantes depois de se recuperar do ataque de risos.

- Eu também. _ foi o que Damon disse, mas ele não comentou a parte que ele consolou e muito bem a esposinha traída do viadão da recepção.

Nesse instante a comissária de bordo veio prestar serviços.

- Olá, meu nome é Susan e eu sou a aeromoça da primeira classe. _ Disse a moça olhando atentamente para Damon.

Elena murmurou palavres baixinho:

- É? Que bom para você, ninguém te perguntou mesmo. _ Elena soltou incomodada do o olhar descarado da loira oxigenada para cima de Damon.

- Disse algo senhora? _ Susan perguntou para Elena se virando com má vontade para encara-la.

- Não foi nada não. _ Elena disse com um sorriso de alerta que dizia: “Tira os ‘zoí’ do meu homem!”, a moça fingiu que não viu ignorando completamente Elena e voltando sua atenção para Damon.

- Posso lhe oferecer algo? _ ela disse com muitas segundas intenções numa voz que tinha a intenção de ser sensual, mas saiu como um mugido de vaca.

Damon começou a rir para a satisfação de Elena.

- Nada do que a ‘senhorita’ tem pode me servir de alguma maneira, mas se a minha Elena quiser algo... _ ele disse sugestivamente se virando para a morena que exibia um sorriso satisfeito nos lábios avermelhados. Ela havia gostado de Damon a chamar de sua, a ideia era tentadora ao soar por seus ouvidos.

- Não, eu não quero nada, mas pode ter certeza que quando quiser eu chamo. _ Elena disse e indicou com as sobrancelhas para a moça dar o fora. Susan saiu praticamente correndo, se sentindo infinitamente humilhada pela a morena.

Assim que a aeromoça desapareceu de vista Damon caiu na gargalhada.

- HAHAHAHAHAHA! Que coisa mais engraçada, aquela mulher se achando o ultimo biscoito do pacote, que idiota. _ Damon comentou.

Elena estava irritada, mas não o suficiente para não rir da situação. Ela tinha que manter a aparência de que não ligava. Só a aparência.

Ela acompanhou Damon em uma risada contagiante que fez Damon parar para observar a beleza que um riso verdadeiro refletia no rosto angelical da morena.

- Muito hilário, ela estava praticamente perguntando se você queria ir para o reservado com ela. _ Elena falou, mas ao terminar franziu o cenho de tanto que a ideia a perturbava.

- Como se ela tivesse alguma chance. _ Damon a encarou descaradamente, mas ela não ruborizou como esperava, naquele instante ela se sentiu poderosa e linda, e era Damon que a fazia se sentir assim.

Ela o encarou de volta.

- Lamento ter te chamado de minha, mas eu tinha que ter alguma desculpa para ela sair do meu pé. _ Ele disse, mas Elena viu que ele não lamentava nada. Muito pelo o contrario.

Ela pensou que era a hora de dar uma lição nele, o deixar chocado como ele sempre a deixava. Ela deu um sorriso enquanto o olhava de cima á baixo demonstrando o quanto a agradava a visão e disse:

- Tudo bem, eu até que gostei da ideia. _ Elena soltou e Damon a olhou espantado, ele nunca esperou ouvir essas palavras da boca dela, ela piscou para ele e sorrindo e virando de costas para ele se reclinou na cadeira e colocou os fones e fechou os olhos para dormir, deixando o moreno digerir as palavras dela em silencio enquanto ela tentava dormir, ainda restava pelo menos 1 hora e meia de voo, e ela estava com sono por acordar cedo.

Ela riu internamente ao perceber que havia deixado Damon sem palavras, era incrível como ela a fazia se sentir como uma gloriosa e resplandecente rainha, maior que a própria Cleópatra, quando ele a olhava, e nesse estante que Damon estava pasmo e a olhava como se estivesse deslumbrado com a coragem de falar que Elena havia adquirido recentemente.

Mal ele sabia que o motivo dela agir assim era o próprio e o modo como ele a envolvia que a deixava fascinada... Arrebatada... Extasiada com a maneira com que ela a estava conquistando.

A deixando a beira de uma deliciosa loucura que aos poucos a deixava mais solta, mais confiante, menos tímida, menos acanhada, a fazendo retornar ao seu verdadeiro eu, aquela menina que era, antes de assumir as responsabilidades, se sentir culpada se as coisas não dessem certo e antes, principalmente, de amadurecer de súbito quando ambos os pais em um terrível acidente de carro, era isso, essa Elena estava de volta graças a Damon.

E isso era uma coisa que todos se surpreenderiam ao ver quando ela se revelasse como realmente era, sem temer da opinião alheia.

A verdadeira Elena Gilbert está de volta. E está de volta para ficar.

Como ela sempre foi e será, ela vai se revelar.

Quando se trata da verdadeira Elena tudo é possível, e o que ela quer ela tem, por isso que ela e Damon se davam tão bem.

AFINAL OS OPOSTOS SE ATRAEM.


Continua...


avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Seg Abr 02, 2012 3:29 pm

-----------------------------x---------------------------


Gostaram?
1.525 paravrinhas para terminar a chatisse da Elena toda cheia de frecuras...
bom amores, agr isso acabou, já tenho uma ideia de como vai ser o prox capt.
posto quinta se der.
deixem um coment para mim tá suas lindas?
Very Happy
amo vcs!!!
mtmtmtmtmtmtmtmtmtmt msm!
I love you Like a Star @ heaven I love you
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por Gláucia em Seg Abr 02, 2012 3:43 pm

Nada do que a ‘senhorita’ tem pode me servir de alguma maneira, mas se a minha Elena quiser algo

Hahahaha....... entendeu vc não tem nada pra oferecer pro nosso Damonzinho kkkkkkk se ferrou kkkkkkkkkk Minha Elena..... ahh que lindo.... é claro que você gostou né Elena, quem não gostaria.... eu ia Amar,adorar, enlouquecer, pirar, infartarmorrereressucitar como diz a minha amiga linda kkkkkkkkkkk.....não vejo a hora de começar a festa kkkkk pode se soltar Eleninha que o Damon te segura kkkkkkkk ou não kkkkkkkkk............

Perfeito como sempre Mamissss querida..........
avatar
Gláucia

Mensagens : 290
Data de inscrição : 21/11/2011
Idade : 27
Localização : Barueri, SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por Delena_Somerhalder em Seg Abr 02, 2012 11:05 pm

Isaaaa aiii meu deusssss!!!!!!
“Dona, acho que essa coca é Fanta heim?”
ahahah ri muitoooo!!! to até imaginando a consolação do Damon!!! Até eu queria ser consolada por ele kkkk!
"- Muito hilário, ela estava praticamente perguntando se você queria ir para o reservado com ela. _ Elena falou, mas ao terminar franziu o cenho de tanto que a ideia a perturbava."
Me fale quem não ia querer ir para um reservado ou para qualquer lugar com o Damon Salvatore???
Ameiiiiii a fic de hoje!! quero mais quero mais! Já to imaginando muitas coisas aqui que poderia acontecer nessa viagem!!!
Miami+Damon Salvatore= bebida, dança, baladas, festas e muitoooo..... ( Twisted Evil )

Entãooo eu já tenho familia sim! apesar de não conhecer todos kkkk!
Eu sou filha da Vaanny que escreveu tempestades furiosas e estrela da escuridão!
não conheço todas as minhas irmãs kkk dahora a vida
em!!!
beijinhossss
amei a fic de hj!
avatar
Delena_Somerhalder

Mensagens : 227
Data de inscrição : 25/03/2012
Idade : 21
Localização : Na caminha do Kol. Junto com ele e com o Damon.

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sex Abr 06, 2012 8:13 pm

Thanks aos coments fofos!
começarei a escrever o mais breve possivel, mas no feriadão tá dificil,
resrssrsrs
então segundinha eu passo para responder vcs individualmente e escrever capt.
por agr, espero que estejam curtindo o feriadão!
e como eu sou boazinha!

SPOILER:
Rola clima entre Damon e Elena no quarto de Hotel,
Elena se liberta e fica mais atirada e dá em cima de alguns caras!
Damon com ciumes!
Stefan aparece e Elena fica chocada


pronto, chega de Spoiler!
segunda ou terça posto!
bjbjbjbjbjbjbjbjbjbjbjbj
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por JuuhSalvatores2 em Sab Abr 07, 2012 10:31 am

OMD!!!!!

Capt. MUITO PERFEITOOOOOO

Sério...

Achei muito legal a Elena ter virado mulher!

kkk

Finalmente ela parou com a chatisse !

uhsauhsuhsausauhsuahsuahsuashaushauhsuahsuahsua

Estou dooooida por mais capt....

E como você mesma fala:



Eu não sei se eu quero o próximo capítulo ou a fic inteira!



kkkk



Bjoooos ^^



Ty Amuuuh
avatar
JuuhSalvatores2

Mensagens : 345
Data de inscrição : 08/01/2012
Idade : 19
Localização : Doidinha pra puxar seu pé e te arrastar pro INFERNO!!

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por Bruuh Lopes em Sab Abr 07, 2012 2:31 pm

Oooie mãe , amei o cap .
Bem feito pra aeromoça , quem mando dar mor em cima do Damon kkkkk
Ameei , Elena dando patada nela .
Elena deixando Damon sem palavras ?! gosteei . Louca pra ler o proximo cap .
Bjoos
avatar
Bruuh Lopes

Mensagens : 95
Data de inscrição : 31/01/2012
Idade : 18

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por Alice_Petrova em Ter Abr 10, 2012 11:17 am

amei mamãe realmente muito legal
ansiosa por mais
avatar
Alice_Petrova

Mensagens : 81
Data de inscrição : 12/12/2011
Idade : 24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por Delena_Somerhalder em Sab Abr 14, 2012 1:59 pm

Isaaa cade os proximos capitulos????
to ficando depre aki sem capitulos!
avatar
Delena_Somerhalder

Mensagens : 227
Data de inscrição : 25/03/2012
Idade : 21
Localização : Na caminha do Kol. Junto com ele e com o Damon.

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sab Abr 14, 2012 10:40 pm

Gláucia escreveu:
Nada do que a ‘senhorita’ tem pode me servir de alguma maneira, mas se a minha Elena quiser algo

Hahahaha....... entendeu vc não tem nada pra oferecer pro nosso Damonzinho kkkkkkk se ferrou kkkkkkkkkk Minha Elena..... ahh que lindo.... é claro que você gostou né Elena, quem não gostaria.... eu ia Amar,adorar, enlouquecer, pirar, infartarmorrereressucitar como diz a minha amiga linda kkkkkkkkkkk.....não vejo a hora de começar a festa kkkkk pode se soltar Eleninha que o Damon te segura kkkkkkkk ou não kkkkkkkkk............

Perfeito como sempre Mamissss querida..........
onnwt amor!
thanks!!
fiquei muiiiiiitook feliz com o coment amor!
obg por ler a fic tá?
desculpa a respostinha sem graça!
to correndo para dar para postar mais ainda hj!
bjoo
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sab Abr 14, 2012 10:45 pm

Delena_Somerhalder escreveu:Isaaaa aiii meu deusssss!!!!!!
“Dona, acho que essa coca é Fanta heim?”
ahahah ri muitoooo!!! to até imaginando a consolação do Damon!!! Até eu queria ser consolada por ele kkkk!
"- Muito hilário, ela estava praticamente perguntando se você queria ir para o reservado com ela. _ Elena falou, mas ao terminar franziu o cenho de tanto que a ideia a perturbava."
Me fale quem não ia querer ir para um reservado ou para qualquer lugar com o Damon Salvatore???
Ameiiiiii a fic de hoje!! quero mais quero mais! Já to imaginando muitas coisas aqui que poderia acontecer nessa viagem!!!
Miami+Damon Salvatore= bebida, dança, baladas, festas e muitoooo..... ( Twisted Evil )

Entãooo eu já tenho familia sim! apesar de não conhecer todos kkkk!
Eu sou filha da Vaanny que escreveu tempestades furiosas e estrela da escuridão!
não conheço todas as minhas irmãs kkk dahora a vida
em!!!
beijinhossss
amei a fic de hj!
ahh linda!
brigadão amore!
paty, vc e seus coments incriveis!
babei akie!!!
rsrsrs
respostinha rapida tá?
ahh se vc é filha da vaanny então vc é (quase ou é) minha prima!
ela é minha madrinha
e a minha mão é madrinha das filhas delas (a maioria pelo menos)
rsrsrs
bem vinda a familia amore!
bjinhos gatucha,
tenho que responder assim rapidex para poder postar ainda hj!
bjo
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sab Abr 14, 2012 10:51 pm

JuuhSalvatores2 escreveu:OMD!!!!!
Capt. MUITO PERFEITOOOOOO
Sério...
Achei muito legal a Elena ter virado mulher!
kkk
Finalmente ela parou com a chatisse !
uhsauhsuhsausauhsuahsuahsuashaushauhsuahsuahsua
Estou dooooida por mais capt....
E como você mesma fala:
Eu não sei se eu quero o próximo capítulo ou a fic inteira!
kkkk
Bjoooos ^^
Ty Amuuuh
amoreeee!
afilhada!
nossa1
que lindo esse coment!
adoreiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii!!!
nossa!
brigadão!
mas por enquanto é só o prox capt mesmo amore!
o time tá mt curto!!!
desculpa responder assim, mas é que eu não to podendo ficar mt tempo no pc e to correndo!
bjoo
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sab Abr 14, 2012 10:55 pm

Bruuh Lopes escreveu:Oooie mãe , amei o cap .
Bem feito pra aeromoça , quem mando dar mor em cima do Damon kkkkk
Ameei , Elena dando patada nela .
Elena deixando Damon sem palavras ?! gosteei . Louca pra ler o proximo cap .
Bjoos
filhaa!!
que bom que gostou gatinha!
fico mt feliz!!!
rsrsrs
a aeromoça foi legal mesmo!
shauhsuhusahuash!
achei a cena da elena deixando o Damon sem palavra um tanto irreal!
mas aqui td é ´possivel então....
rsrsr
obg por ler amore!
bjooo
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sab Abr 14, 2012 10:57 pm

Alice_Petrova escreveu:amei mamãe realmente muito legal
ansiosa por mais
obg amor!
espero que goste do proximo tá?
posto loguinho!
rsrsrs
brigadão!
bjoo
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sab Abr 14, 2012 10:57 pm

Delena_Somerhalder escreveu:Isaaa cade os proximos capitulos????
to ficando depre aki sem capitulos!
já to postando amr!
msm assim, obg por se importar tá?
bjinhos I love you
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por isabela c tonon em Sab Abr 14, 2012 11:36 pm



Capitulo 7

I’m Miami, bitch!



Damon POV:

O Avião tremeu levemente enquanto fazia a volta para aterrissar na pista.

Quando ele finalizou a aterrisagem e os passageiros foram autorizados a descerem eu cutuquei levemente Elena para ela acordar.

Passei as mãos em seu cabelo e contornei seus lábios com o dedo indicador, tão linda e perfeita...

Ela piscou e bocejou e sua boca fez um pequeno “o” enquanto ela se espreguiçava, me afastei e sorri ela sorriu de volta enquanto penteava o cabelo com os dedos.

- Chegamos. _ eu disse lhe estendendo a mão.

- Já? _ ela disse pegando a mão e eu a icei da poltrona.

- Não se pode ver muita diferença quando se dorme a viagem toda. _ eu sorri para ela.

- Metade. _ ela corrigiu.

Eu deixei passar enquanto descíamos as escadas e caminhávamos pela a pista em direção ao complexo principal do aeroporto.

Eu estava gostando que vários passageiros virassem para nos ver, eu sabia o que eles viam, um casal perfeitamente arrasador. Eu e Elena combinávamos em quase tudo.

Ela não parecia desconfortável. Ela até desfilava um pouco, os salto quicavam confiantes no chão enquanto ela caminhava ao meu lado com um sorriso delicioso nos lábios.

Assim que entramos no local nós paramos e eu disse.

- Bem vinda á Miami Elena. _ eu a olhei e ela me mandou um olhar que falava “vamos aprontar muito aqui meu vampirão.” Eu fiquei mais ticado ainda respondendo em sua mente com os poderes que sem duvida iriamos.

Ela não pareceu surpresa nem chocada que eu lhe enviasse pensamentos, parecia gostar da intimidade que traçávamos com mais este meio de comunicação.

A Florida era muito quente nesta época do ano, um tempo perfeito para aqueles que queriam tomar um bronze. Eu estava feliz que o nosso hotel tivesse piscina e acesso fácil á praia, seria uma proeza ver Elena com um biquíni.

Ri e ela me olhou curiosa, logo arrumei algo para desviar sua atenção.

- O Wilcox Field é o aeroporto internacional de Miami, nós vamos voltar para cá daqui alguns dias para podermos pegar o avião para a nossa próxima parada.

- É mesmo? _ disse ela ao ouvir esta pequena curiosidade. _ E qual é o nosso destino.

- Espere e verá! Qual seria a Graça se você soubesse aonde a gente vai.

Ela deu de ombros e sorriu mesmo assim, um olhar perverso passou por seu rosto e com a mesma rapidez que veio se foi, ela partiu na minha frente para pegar as malas e parou e me olhou.

- Você não vem? _ Ela girou o tronco para me olhar e eu respirei fundo.

“Essa mulher ainda me mata.”

Suspirei e meneia a cabeça sorrindo, ela sorriu para mim e eu caminhei até ela.

- Elena, Elena, não cutuque a onça com a vara curta. _ Eu disse totalmente enfeitiçado por ela. Ela tinha mudado, mas para melhor.

Ela riu sem se conter e me olhou.

- Se eu quisesse te cutucar já teria feito, veja pelo o lado bom, este é só o começo. _ ela disse e em seguida deu dois tapinhas leve em meu rosto e saiu andando para pegar a mala dela que estava passando naquele momento pela a esteira.

Eu meneei a cabaça rindo, essa era a Elena que eu sempre soube que existia.

Eu andei até a esteira ao seu lado e a observei pagar a mala e fazer uma terrível força para erguê-la, enquanto eu pegava a mochila pequena que eu havia trago.

Ela olhou para mim e depois desistiu, largou a mala e a olhou como se fosse um animal desobediente e tentou arrasta-la, mas pelo o jeito estava realmente pesada.

- quem fez essa mala? _ eu perguntei, não era possível que a Elena tenha trago aquela quantidade de roupa.

- Caroline! E a Bonnie ainda me prometeu controla-la. _ Ela falou resignada.

- HAHAHA! Me diga quem consegue controlar a Barbie quando o assunto é roupa? _ Eu disse.

- Pois é! _ Ela falou fechando totalmente a expressão para a mala aos seus pés. _ Minha oportunidade surgiu.

- Deixa comigo! _ Eu disse me aproximando dela.

Ela estava de costas e eu cheguei lenta e silenciosamente, seu pescoço alvo estava exposto desde que ela tirou o cachecol e a jaqueta por causa do calor da Flórida e sua pele estava me tentando, eu queria provar aquela pele e sentir a maciez e a deliciosa textura, eu respirei fundo inalando seu cheiro adocicado encanto ela arqueava o pescoço me dando passagem total para explorar sua pele, ela se recostou em mim, mas eu não me deixei surpreender por sua reação, certamente ela iria se afastar á qualquer momento então eu iria me aproveitar da oportunidade e tentar não me esquecer completamente de que estávamos em um lugar publico.

Meu nariz deslizou por toda a extensão do delicioso pescoço onde eu plantei um beijo demorado ao mesmo tempo em que eu deslizava minha mão pela a lateral de seu corpo, lentamente deslizando pela as curvas do corpo delgado até eu alcançar o pegador da mala á erguendo e quebrando o majestoso abraço.

Ela me olhou faminta e eu sorri desvairado, ela estava me provocando, mas eu já estava controlado, estávamos em lugar publico, mesmo sendo somente uma demonstração de carinho a intensidade que foi feito atraiu vários olhares pervertidos na nossa direção.

- Não cutuque a onça com vara curta! _eu alertei novamente e completei. _ Agora vamos logo pegar o carro para irmos para o hotel antes que a gente vá preso por promiscuidade. - falei deixando quaro que não me importaria de ser preso por esse motivo.

Ela concordou com a cabeça exalando lentamente o ar e trazendo a tona novamente aquela vontade de toma-la na frente de todos.

Saí carregando a mala em direção ao desembarque enquanto ela seguia atrás com uma malinha de mão e com a respiração irregular.

***

Já na entrada do hotel eu já havia terminado totalmente de me controlar, mas tinha que admitir que ter ela ao meu lado durante o percurso não ajudava muito, mas meus anos de experiência com o sexo oposto havia me ajudado.

A capota do carro estava abaixada para mostrar todo o esplendor de Miami Beach, mas de dentro de um Dodge Viper ficava ainda mais glamoroso.

Quando passamos os portões do hotel vi Elena perder discretamente a fala ao encarar a grandiosa construção no local mais cobiçado de Miami, literalmente ficaríamos hospedados, no melhor e mais caro lugar que o dinheiro pode pagar em Miami.

Ué? Não se trata só de viajar, tem que se viajar com estilo.

O Ronco do motor cessou ao estacionar na entrada principal do Hotel, entregando a chave para o manobrista bem vestido subimos as escadas para a recepção do hotel para fazermos o check-in para a suíte.

- Salvatore, por favor. _ disse para a senhora já de idade que estava sentada atrás ne uma ornamentada mesa com os olhos no computador.

- Sim, a reserva já foi feita, já estou liberando o quarto para vocês. _ ela disse, mas quando viu o quarto que havia pedido ela me olhou com um olhar que, a meu ver, era de admiração. Bom, eu realmente parecia jovem para ter todo esse dinheiro, mas cá entre nós, quem não sei rico assim se não tivesse nascido em berço de ouro e ter tido séculos para juntar tal numerosa quantia.

Ela entregou a chave eletrônica em dois pequenos cartões e os encarregados se apresaram em pegar as nossas malas.

Ouvi na mente da moça que ela achava que eu era mais um daqueles que criava uma invenção louca e fica rico da noite para o dia.

Sorri ao colocar o braço sobre os ombros de Elena e a guiar em direção ao elevador panorâmico todo feito de vidro enquanto ela olhava a vista.

Em vez de subir, os quarto mais caros ficavam para baixo do que teoricamente era de baixo do nível do solo, enquanto o elevador descia Elena me olhou indagativa e eu fiz sinal para esperar e ver.

Quando a porta transparente abriu para um requintado corredor eu caminhei tranquilamente até o final ande ficava uma entrada individual com uma porta dourada com mogno e enfiei o cartão na fechadura e a porta se abriu sozinha, revelando lentamente um elegante quarto que claramente revelava o bom gosto e a preocupação para com o cliente.

Era do tamanho de uma casa confortável, um uma parede que parecia uma cascata que escoria agua e abrigava uma TV de no mínimo 80 polegadas e um luxuoso sofá bordô e dourado, e vários outros objetos de decoração que deixavam o divã cor vinho no canto ainda mais convidativo, contia também uma adega repleta dos mais caros e refinados tipos de bebidas e um frigobar de madeira com diversas taças e copos de cristal e uma estante artesanalmente feita no estilo rustico que combinava com o ambiente que tinha tons pasteis.

Havia de cada lado duas portas que dava para um diferente ambiente da suíte. E ao lado da porta tinha um painel tecnológico de touchscreen que controlava todos os cômodos, tanto climática quanto funcionalmente.

- Nossa! _ Elena disse.

- Depois de todo o trabalho para te trazer aqui Leninha, você só diz “nossa”? Eu esperava mais. _ eu disse reclamão.

- Calma, você não me deixou terminar. _ ela riu delicadamente. _ Nossa Damon, que coisa mais fantástica, não sei como me expressar diante de tal esplendor! _ ela recitou ironicamente e no final girou os olhos na minha direção.

- Bem melhor! _ eu disse rindo. Dando passagem para os funcionários entrarem e deixarem as malas e saírem rapidamente.

Após a saída deles Elena me perguntou se eu não deveria dar uma gorjeta á eles.

- Não, o hotel não permite a entrega de gorjetas, se você soubesse o quanto eles recebem por mês também gostaria de trabalhar como carregador de malas. _ Disse enquanto tirava a jaqueta de couro e a pendurava em um cabideiro a esquerda da entrada.

Elena assentiu e andou até o meio da sala e um silencio se perdurou enquanto ela analisava os objetos e eu a observava capturando as mais variadas expressões, e depois de alguns instantes ela se voltou na minha direção com um sorriso maroto.

- Posso olhar nas outras portas.

- Deve. _ eu disse sorrindo.

Ela riu e foi para a direita abrindo a porta em um rompante.

Lá ela olhou a equipada cozinha já com os suprimentos.

Ela saiu com um sorrisinho discreto e foi para a porta ao lado que dava para um escritório moderno já que essas suítes mais caras eram dirigidas geralmente para empresários.

Elena saiu de lá satisfeita enquanto eu permanecia na posição inicial, na sala, á espera que ela logo terminasse a sua inspeção pelo o quarto, nada daquilo me impressionava, mas eu compreendia que ela nunca foi uma daquelas meninas que queriam sair e explorar o mundo, pelo o que sabia ela havia saído do país somente uma vez para ir á França após a morte dos pais.

Depois da saída do escritório ela se dirigiu a mim e sem reservas nenhuma perguntou se por acaso iriamos dividir o quarto. Eu fiz que sim com a cabeça e ela por um instante me pareceu de novo aquela menina do interior da Virgínia.

- Damon, eu não vou dividir o quarto com você. _ Ela disse num fio de voz. E mentalmente completou. Por enquanto...

Estávamos tão próximos e em sintonia que seus pensamentos estavam claramente expostos a mim, estávamos tão conectados que nem a verbena alterava ou ocultava sua mente da minha, tentei respeitar sua privacidade mesmo gostando do que havia visto e ouvido em sua cabeça.

- Não Elena. A não ser que queira, _ eu disse com um sorriso lascivo e uma voz rouca_ Mas nesta suíte tem dois quartos, se tivesse olhados naquelas portas poderia constatar por si mesma.

- Ah, claro. _ ela disse se dirigindo as duas portas da esquerda.

Eu rolei os olhos e sorri para ela, ela respirou fundo, quase suspirando, enquanto seus olhos se prendiam em mim com unhas e dentes fazendo que meu sorriso se alargar consideravelmente, o contato olhos-no-olho foi quebrado somente quando Elena, pela a distração, tropeçou desequilibrando e eu fui para seu lado ampara-la, tão logo quanto me aproximei eu recuei, eu iria fazer pedir, não, implorar para ela se agarrar a mim. Se eu não demonstrasse o quanto ela sentia minha falta, ela nunca imploraria pela a minha presença.

- Ah, obrigada! _ ela disse com um olhar desconfiado, será que ela pressentia o que eu estou fazendo? Não, não era possível! A não ser... A não ser que ela também conseguisse captar pensamentos. Não, que bobagem, deve ser só uma daquelas crises de “sexto-sentido” que as mulheres vivem tendo.

- Disponha! _ disse me virando para buscar as malas na soleira da porta enquanto ouvia os passos dela se afastar em direção aos quartos.

Eu ouvi um ofegar suave e percebi que ela já tinha descoberto a passagem oculta para as praias particulares de Miami Beach. Sorri e fui para o quarto onde ela estava. Todos eram igualmente luxuosos, mas deixei ela escolher qual preferia, ela não quis escolher e simplesmente aceitou ficar no quarto que estava. Deixei suas malas lá sem falar mais nenhuma palavra e fui para o meu, queria tomar um banho e logo perguntaria se ela gostaria de almoçar no restaurante do hotel, já era umas 11 horas da manhã.

Abri a porta e não me surpreendi com a beleza do quarto, para quem já havia dormido na suíte imperial do palácio da rainha, isso não me surpreendia muito, mas sem duvidas era confortável e elegante.

Joguei a mochila em cima da cama e tirei a camisa por cima da cabeça, iria tomar um banho naquela banheira de hidromassagem que parecia mais uma piscina por causa do tamanho.

O nosso quarto ficava um andar abaixo da entrada, mas atrás do outro lado do hotel ficava a praia e estes quartos teoricamente “debaixo da terra” tinha aceso privado a essas praias e a banheira ficava fixada ne um deck com vista exclusiva para esta praia.

Liguei a agua da banheira e coloquei para que a agua não fosse quente, estava calor e eu queria me refrescar antes de sair com Elena.

Entrei nu na agua e me acomodei, coloquei os braços confortavelmente atrás da cabeça e sorri.

“Isso é que é vida!”

***

POV Elena:

O Quarto era lindo, tinha uma parede toda feita de vidro, o que me surpreendeu quando abri as cortinas que tinha de fora á fora. Eu havia pensado que estávamos de baixo da terra, mas a vista da praia e o quarto ricamente decorado havia me deixado totalmente encantada.

Decidi não desfazer as malas completamente, só ia tirar o essencial para colocar nos enormes closets, mas no instante que abri a mala eu estaquei completamente.

A Bonnie prometeu! _ era só o que eu pensava.

A Carol devia estava pensando que eu estava indo para uma lua-de-mel pelo jeito que as roupas eram, a maioria era muito curta e justa, ou com decotes que excediam o tamanho por sua profundidade e as lingeries eram totalmente inadequadas, mas eu senti que era exatamente aquilo que eu queria, só não aceitava o fato de que Carol tivesse pensado que eu fui viajar para trepar com o Damon. Será que eu deixava assim tão claro o meu desejo desvairado por ele? Pensei que eu conseguisse mascarar isso.

Por um instante senti vergonha, mas depois pensei que Carol tinha lido os meus pensamentos, eu iria tirar um ótimo proveito das peças mis picantes da mala.

Sorri maliciosa.

Só que por alguma razão, algo me impedia de sair deste quarto e ir para o dele e me jogasse em seus braços e fizesse minhas fantasias se tornar realidade.

E enquanto tirava as poucas peças que selecionei eu pensava e logo me vi sentada na cama observando o mar refletindo sobre tudo aquilo, eu achava que era somente o decoro que me impedia, mas percebi que isso eu havia perdido, se não eu não agiria como estava agindo desde o dia que Damon tinha me chamado para tirar férias.

Era por outro motivo e vi que apesar de ter libertado meu lado libertino e um tanto pervertido eu ainda era uma pessoa extremamente fiel aos compromissos, e eu não havia terminado oficialmente com o Stefan, nós estávamos separados, e não havia sombra de duvida de que não estávamos mais juntos e que eu terminantemente preferia não ter me envolvido com ele após descobrir o quanto eu queria o irmão dele. Mas então por que eu não jogava tudo para o alto e dizia dane-se? Eu decidi que se eu me sentisse liberta desse compromisso em algum instante eu imediatamente iria me entregar á Damon, eu só esperava duas coisas, que não durasse muito tempo e que eu me libertasse o maus breve possível e que eu fosse mais forte que pensava para poder resistir ao Damon, porque, sinceramente, eu não aguentaria muito tempo sem ter aquele homem para mim.

Minha boca se encheu de agua ao pensar em Damon, em cada pedacinho de seu delicioso corpo e a vontade de prova-lo quase me descontrolou no instante em que passou pela a minha cabeça o prazer e no amor que ele poderia me proporcionar. É! É bom não demorar muito para eu me libertar, porque se não eu iria mandar a consciência para aquele lugar e iria correndo para os braços dele.

Fui tomar banho o enorme banheiro e quando saí tinha um bilhete em cima da cômoda perguntando se eu queria almoçar com o Damon no restaurante do hotel.

Fui me arrumar rapidamente, se ele queria me fazer perder o controle perto dele eu o faria perder o dele também, iria colocar uma roupa bem provocante que seria adequada para o dia quente, o que não foi difícil de encontrar dentro da mala, e eu anotei mentalmente ligar para Caroline agradecendo a ela por pensar em tudo.

Na hora que me passou pela a minha cabeça a palavra ligar eu imediatamente me lembrei de Jeremy. Eu havia prometido ligar.

Eu comecei a fechar o zíper do vestido com o telefone preso entre meu ombro e minha orelha rezando para ele me perdoar por ter esquecido de ligar quando havia chegado. A culpa não era minha, eu não teria esquecido se Damon não ficasse me distraindo com seu corpo e o resto todo!

Quando o clique a outra linha sendo ativada soou no meu ouvido eu ouvi.

- Elena! _ sorri com o coro coletivo de meus amigos do outro lado da linha enquanto eu me esforçava para me arrumar enquanto eu falava com cada um dos meus amigos.

***

Após o almoço agradável onde Damon não tirou os olhos de minhas pernas e longas horas de sol da piscina do hotel que era incrivelmente calma onde eu e Damon havíamos aproveitado cada segundo nos divertindo, nós tínhamos voltado para a suíte.

Ele tinha me convidado para conhecer a cidade com ele. Eu estava animada para passear por essa cidade incrível. Ainda mais porque ele tinha prometido me levar para dançar, fazia tanto tempo que eu não fazia isso que me deixou com medo de ter desaprendido o que deixou tudo ainda mais excitante, eu iria curtir uma longa noite em Miami.

Eu me arrumaria de maneira que eu ficasse discreta, mas arrasadora, e quando abri a mala meus olhos bateram diretamente em um vestido que se adequava aos pré-requisitos.

Um lindo vestido branco, justo, mas perfeito, todo feito de renda pura e com uma única manga.

Neste momento eu quis dar um abraço e dizer eu te amo Caroline! Como ela consegue adivinha de que roupa precisamos assim?

Eu tratei logo de provar para ver se o vestido era tão maravilhoso assim como parecia. Ao vestir notei como ele escorregou suavemente por minha pele, caindo como uma luva, como se tivesse sido feito sob medida para mim, não tinha maneira de usar sutiã, mas eu não me preocupei se iria marcar ou não meus seios. O vestido estava perfeito. Havia algumas transparências ocasionais no tecido o que deu certo gral de charme e sofisticação a peça que era, sem duvidas, para a noite.

Logo quando olhei para o relógio elegante a cima da penteadeira eu comecei a me apreçar para terminar de me arrumar, eram 21:00 horas e meu cabelo ainda pingava do banho, peguei o secador e comecei a secar o enorme cabelo ainda úmido com uma certa impaciência, ainda tinha que fazer a maquiagem e procurar assessórios e sapato.

Depois de escovar o cabelo, eu voltei a remexer na mala em busca da nécessaire com as joias, não pode colocar cordão, mas coloquei um brinco dourado com pedras negras para fazer um contraste com a roupa, viárias pulseiras também douradas no braço que estava livre da manga e abri a outra mala, a de sapatos. Sim, a Carol havia feito uma mala SÓ de sapatos!

Vi vários tipos de sandálias, scarpans e várias outras que eu nem notei devido a presa, eu avistei uma sandália de salto agulha cor ouro velho de couro, essa era a eleita! A calcei e corri de volta a penteadeira abrindo a maleta que estava em cima dela e espalhei as diversas maquiagens em cima dela.

Comecei com a base, o corretivo e o pó compacto, decidi fazer uma maquiagem metalizada puxando para o dourado, passei a sombra cremosa em toda a pálpebra e achei muito simples, resolvi esfumaçar com sombra preta o canto externo dos olhos e finalizei com rímel, lápis de olho preto e um batom mate.

Peguei uma bolça de mão nude e coloquei telefone, identidade e dinheiro.

Pronto! Eu estava pronta!

Abri a porta do quarto e saí, Damon estava sentado de frente a TV e virou a cabeça em minha direção ao escutar meus paços, ele estava lindo e vestia sua inseparável jaqueta de couro e uma regata branca por baixo, uma calça jeans escura e um sapato de couro macio.

- Vamos? _ Eu disse sorrindo.

- Claro. _ fiquei desapontada que ele não havia dito nada sobre eu ter me arrumado toda, mas vi que seus olhos estavam pregados em mim, então rolei os olhos, os homens e suas manias de se acharem no controle de tudo e todos, mas no final eram eles os controlados.

- Err... Elena?_ Ele disse parando de andar.

- Sim? _ Eu disse me virando para olha-lo.

- Você está muito bonita. _ Ele disse olhando para todo o meu corpo enquanto umedecia os lábios com a língua e deixando a boca entre aberta.

Eu sorri me aproximando e coloquei a mão sob o queixo dele e o fechei.

- Eu sei. _ eu ri em seu ouvido. _ Você também está Damon. _ eu exalei em seu pescoço e ele se arrepiou levemente. Me afastei e perguntei.

- Vamos então? _ Eu disse gesticulando para a posta.

- Sim! _ele disse passando por mim e abrindo a porta dando espaço para eu passar.

Eu sorri, eu estava animada por sair para curtir, parecia que eu tinha desligado do modo Elena Santa. Eu estava gostando de ser a diabinha e me sentir poderosa, e era assim que estava me sentindo.

Eu passei pela a porta, só que a vez de usar o largo espaço para passar eu esfreguei a bunda nele e lentamente passei, quando eu já estava no meio do corredor e já tinha chamado o elevador eu finalmente ouvi o som da porta se fechando, em um milésimo de segundo ele estava ao meu lado me virando e me pressionando contra a porta de aço.

- Elena, Elena, eu já te avisei para não me provocar. Mas você continua o fazendo. _ ele disse beijando de leve o lóbulo da minha orelha.

- Já pensou que talvez eu goste de arriscar, que eu goste do perigo?_ eu disse passando a mão suas costas e cravando a outra por sua nuca aproximando a boca da dele.

- Isso seria interessante ver esse seu lado. _ Ele disse passando a mão por minha coxa e subindo um pouco o vestido. Nossas bocas estavam tão próximas que eu só tinha vontade de aproximar ainda mais, as nossas respirações estavam aceleradas e compartilhávamos do mesmo oxigênio e meus olhos estavam na sua boca e eu senti o frio na barriga de antecipação, a vontade de provar ele por inteiro.

Ele afastou o meu cabelo e deixou seu braço em meu pescoço acariciando meu rosto, nossos lábios se aproximaram rapidamente, o desejo ia além da mera necessidade do toque e antes de nos beijarmos nossas bocas se abriram e nossas línguas se tocaram, me faltou ar e eu arranhei a sua nuca e puxei seus cabelos de excitação, estávamos prestes a mergulhar num beijo mais profundo quando de repente o meu apoio sumiu, e eu tropecei para trás e me segurando em Damon para me estabilizar vi que o elevador havia chegado, e dentro dele tinha duas senhoras de idade nos olhando com os olhos e=arregalados por trás dos óculos.

Damon pigarreou e perguntou com a voz grave enquanto eu me esforçava para recuperar o folego e a compostura.

- Subindo? _ Ele perguntou, a falta de controle de instantes atrás havia sumido completamente.

Uma das senhoras disse que sim com a cabeça e eu entrei no elevador com as bochechas ardendo de fogo e com meus olhos colados no chão. Só esperava que um dia eu me recuperasse da cena que havia participado e que a vontade incontrolável de continuar de onde havíamos parado se fosse. Uma esperança vã, eu diria.

O Clima foi embora e eu segui Damon em direção ao carro em silencio, mas a vergonha tinha ido e eu andava confiante, eu estava um pouco irritada por aquelas senhoras terem interrompido. Eu entrei no Dodge e bati a porta, mas para a minha infelicidade as portas tinham amortecedores, mas eu não deixaria que isso abalasse a minha animação, eu iria aproveitar a balada até o dia raiar.

Apenas colei um sorriso no rosto ao sair do carro e var a enorme fila para a boate, nunca achei que Damon gostasse desse tipo de coisa, para mim, o negocio dele era boteco de esquina e não musica eletrônica estrondando os tímpanos. Eu estava intrigada com essa nova descoberta sobre ele.

Passamos direto pela a fila de pessoas esperando para entrar na boate e Damon foi falar com o segurança, eu sabia que ele iria compeli-lo, mas eu não ligava, facilitava a vida e eu, com certeza, não queria ficar numa fila com o salto e o humor que eu estava.

Logo estávamos dentro da festa e eu estava agitada com o enorme numero de pessoas dançando, era contagiante, assim que passamos por um túnel que levava direto para o coração da festa, a pista de dança, meus ouvidos foram invadidos pela a música, estava tocando Titanium do David Guetta, fui contagiada pela a batida da música e logo eu já dançava a beira da pista enquanto Damon fora buscar a Ice que eu tinha pedido e uma Tequila para ele.

Eu girava e rodopiava, dançava e pulava ao ritmo do DJ, Damon me acompanhava às vezes, mas depois que um rapaz veio perguntar se eu estava desacompanhada ele não saiu mais de perto de mim, no começo ele ficou travado, mas logo estávamos dançando colado um no outro.

Senti novamente o clima esquentar e dei um tempo na dança para me recompor e tomar algo no bar, eu estava com muito calor então pedi simplesmente uma agua mineral.

Eu aguardava o garçom me trazer a agua quando eu ouvi uma risada familiar e pensei que havia enlouquecido ou no mínimo havia bebido de mais. Eu ouvi a risada de Stefan vindo dos divãs ao lado do bar. Olhei ao redor e não vi Damon então decidi ir investigar sozinha.

Curiosa, andei rápida e sorrateiramente em direção ao riso que parecia não cessar, eu olhei e tapei minha boca para não gritar. Stefan estava bem ali, em Miami, mas ao dar outra olhada eu vi que ele não estava sozinho, havia mais 3 mulheres com ele, sentadas a sua volta. Por um instante seus olhos pousaram em mim de passagem, mas depois voltaram e eu senti os olhos verdes dele sob mim novamente, eu estava paralisada, eu esperava a vontade de ir correndo dar um abraço nele, mas eu não senti isso.

Ele se levantou e eu olhei á volta de novo, cadê o Damon? Ele se dirigiu a mim e com um olhar debochado e uma voz irônica perguntou o que eu fazia lá.

- Eu estou de férias, me divertindo e viajando. _ eu disse_ Não que isso seja da sua conta. _ completei com o mesmo deboche que ele.

- Sozinha? _ Ele perguntou olhando ao meu redor e eu não deixei de notar como ele me olhava como um pedaço de carne, eu senti nojo dele, seu olhar era tão diferente do de Damon, eu me perguntei como eu não tinha notado isso antes.

- Não te devo satisfações! _ Eu disse mal criada.

Ele rosnou e disse:
- Claro que é! Se você se esqueceu, nós não terminamos.

- Isso eu não me esqueci, mas parece que você sim. _ eu disse gesticulando para as 3 meninas semivestidas aguardando por ele. _ além disso, eu e você sabemos que não temos mais uma relação a muito tempo, desde que eu percebi como você é de verdade. Tudo que eu sinto agora por você é nojo! E agora eu vou corrigir o meu tão adiado erro, eu estou terminando com você Stefan.

- É mesmo Elena? Mas não se esqueça de que NÓS só terminamos quando eu disse que terminamos. _ Ele disse segurando meu braço.

Eu segurei a mão dele e tirei do meu braço sem esconder o minha irritação.

- Mas VOCÊ acabou de dizer Stefan! Volte para as suas putas e esqueça-se de mim ok? _ Eu disse apontando para as garotas no canto. _ Tchauzinho! _ eu disse acenando e soprando um beijo cínico em sua direção. Ele me olhou com ódio e pegou uma das meninas que havia se aproximado e começou a beijar ela selvagemente, mas eu não senti nada além de pena, se ele achava que eu iria fazer uma ceninha ele estava muito do enganado.

Sorri em sua direção e saí caminhando de volta ao bar onde o garçom aguardava com a minha água. Eu me sentia liberta, livre, finalmente eu tinha tirado o peso das minhas costas e agora estava mais do que claro que eu não amava mais Stefan e eu me libertaria de uma única vez.

Pedi para o garçom trocar a agua pela a bebida mais forte que tinha no bar, ele sorriu para mim parecendo gostar a atitude e voltou com um copo que saia uma leve fumaça de um liquido azul.

- É o Diabo Azul. Ele é realmente forte, tome devagar. _ ele alertou.

Eu virei de uma única vez na boca e sorri da careta que havia feito.

Me virei e avistei finalmente Damon saindo do banheiro no mesmo momento que o DJ começou a tocar a musica que eu precisava no momento.

Damon veio na minha direção e eu andei confiante na sua direção e lhe dei eu beijo selvagem e totalmente sensual, expressando todo o meu desejo por ele, eu quebrei o beijo e me virei voltando a andar diretamente para o bar.

A musica que estava tocando era I’m sexy and I know it.

Spoiler:
Fica melhor a cena se vcs ouvirem simultâneamente a música!
links abaixo:
http://www.youtube.com/watch?v=yoU5HqSYDS0&feature=fvwrel
http://www.youtube.com/watch?v=tPqDbpMhU1k&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=os0EjgY-VfQ&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=HKkKCABmdRM&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=bJgjG7uh8SM&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=0K9ZbjJ5WKw&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=HFY_XM3IfbU&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=HKkKCABmdRM&feature=related
http://www.youtube.com/watch?v=0S-tAGJGPxw&feature=related

Eu reboei e tomei um impulso pisando na cadeira desocupada do bar e sumindo no balcão, eu joguei meu cabelo para trás e derrubei varias bebidas abrindo espaço para mim enquanto eu ficava em pé e começava a dançar loucamente.

Eu comecei a rebolar lentamente e passar a mão pela a meu corpo lentamente e fazendo sinal com o dedo indicador para Damon se aproximar, enquanto muitos homens se aproximavam do bar para ver o show que eu estava fazendo, Damon andou até o bar e sorriu lascivo na minha direção enquanto eu colocava o dedinho na boca e balançava os quadris para os lados.

When I walk on by, girls be looking like damn he fly
I pay to the beat, walking on the street with in my new lafreak, yeah
This is how I roll, animal print, pants out control,
It's real fool with the big F o
They like bruce lee rock at the club


Eu girei devagar agitando as mãos e passei minha mão em volta da minha cintura e fui descendo a mão até meus quadris, enquanto eu retirava meus cabelos de frente e os segurava para cima balançando para os lados os quadris.

Girl look at that body,
Girl look at that body,
Girl look at that body
I work out
Girl look at that body,
Girl look at that body,
Girl look at that body
I work out


Eu pisquei enquanto eu recrebava até o chão e levantava e abaixava novamente lambendo os lábios e tomava o copo que um cara de estava próximo do balcão onde eu me remexia totalmente envolvida na musica.

When I walk in the spot, this is what I see
Everybody stops and they staring at me
I got passion in my pants and I isn’t afraid to show it


Eu girava e rebolava enquanto eu via outras duas meninas subirem também em cima do balcão e se aproximarem, vários assobios rolaram pelo o ar enquanto as duas dançavam em mim e eu me esfregava nelas e elas passavam as mãos por minha cintura.

I'm sexy and I know it
I'm sexy and I know it


Eu desci até o chão e subi e esfreguei a bunda numa das meninas que dançavam comigo e girava o quadril encaixando na outra enquanto as puxava mais próximas de mim. Ouvi um cara falar: Oh gostosa! E Damon dar um tapa na cabaça dele e mandar limpar a baba. Eu ri e voltei a dançar, eu me sentia tão leve.

[…]

We hit it to the bar, baby don't be nervous
No shows, no shirt, and I still get serviced


Eu peguei a cerveja e um outro cara e bebi um pouco e uma loira que estava dançando comigo pegou e jogou em si mesma e os homens gritavam ainda mais. Eu subi um pouco o vestido e girei devagar remexendo lentamente o meu quadril de costas para os homens e algumas mulheres que observavam a dança, uma das meninas deu um tapa na minha bunda e eu sorri. Era muito divertido se sentir assim.

Girl look at that body,
Girl look at that body,
Girl look at that body
I work out
Girl look at that body,
Girl look at that body,
Girl look at that body
I work out


Peguei um pirulito de alguém e lambi lentamente e devolvi a pessoa, eu já estava agachada no balcão e comecei a me arrastar sobre ele e uma das meninas sentou sobre mim e eu descia e subia o quadril em direção dela e foi minha vez de bater na bunda dele enquanto a outra menina levantava a blusa revelando o sutiã meia taça e os homens vibravam.

When I walk in the spot, this is what I see
Everybody stops and they staring at me
I got passion in my pants and I isn’t afraid to show it


Ela levantou e me ajudou a levantar e caminhei até uma pilastra de ferro dourado colocado para a decoração do bar e me esfreguei de costas nele até o chão e subi e girei em volta dele e alisei o pilar e agachei tendo ciência de que provavelmente deu para ver e minha micro calcinha bege.

I'm sexy and I know it
I'm sexy and I know it

I'M SEXY AND I KNOW IT...


Eu rebolei em volta do pilar e caminhei de volta ao local onde eu comecei a dançar e dei um semi-giro para esquerda e depois para a direita e virei de costas rebolando e agachei até sentar no balcão e desci do balcão, varias pessoas dançavam a minha volta e eu retribuía rindo e dançando com as mulheres.

Girl look at that body,
Girl look at that body,
Girl look at that body
I work out
Girl look at that body,
Girl look at that body,
Girl look at that body
I work out


Eu caminhei até Damon e dancei para ele, seus olhos pareciam me devorar e o sorriso pervertido nos lábios me mostrava que ele estava gostando e se divertindo tanto quanto eu e tinha certos pensamentos que passavam pela a minha cabeça na velocidade da luz, eu ouvi que a musica estava perto do fim e rodopiei colando meus seios em seu peitoral e girando o quadril de encontro ao dele e sua mão se passou em volta a minha cintura me apertando mais contra ele e passei as mãos por seus músculos do braço e das costas e pendi meus braços em volta ao pescoço dele e subi uma das minhas pernas e as fechei em volta ao quadril dele e rebolei uma ultima vez o meu quadril de encontro ao dele nos encaixando e fazendo a paixão se elevar ás alturas. A musica acabou e no mesmo instante que sua outra mão acariciou minha coxa provocando eu o beijei e nossas línguas penetravam fundo na boca do outro e eu mordi seu lábio inferior e ele passou sua língua lentamente por meu lábio e nós separamos nossas bocas para recuperar o ar, mas mesmo assim nós tocávamos nossas línguas sensualmente e eu fiquei com uma vontade louca que estar num quarto sozinha com ele naquele instante, voltamos a nos beijar e ele que sugou meu lábios e eu soltei um gemido.

Esse tinha sido o melhor beijo da minha vida... Até agora, eu sabia que com Damon era uma experiência dessas por dia, ou por hora melhor dizendo.

Assobios e murmúrios se espalhavam pela a boate junto com palmas e gritinhos de incentivo. Assim eu nós nos separamos eu comecei a rir e a voz do DJ ressoou pela a pista.

- vão vocês dois para um quarto! _ Ele disse piscando e eu apenas sorri sem nenhuma vergonha, a ideia de ir para um quarto com Damon era tentadora de mais e não deixava de se passar por minha mente.

Os braços de Damon passaram a minha volta e ele respondeu.

- Pode deixar comigo! Até que essa ideia não soa de todo ruim né Elena? _ Eu disse alto e várias gargalhadas foram ouvidas em resposta ao comentário.

- Claro! _ eu disse sorrindo maliciosamente passando o dedo por seu peitoral e voltando a beija-lo, seus lábios passaram para o meu pescoço e eu soltei uma risadinha enquanto eu me arrepiava a cabeça aos pés.

Nos beijamos por alguns instantes e depois eu fiquei com sede e pedi mais um drink ao Damon. Quando ele estava se afastando eu o chamei.

- Damon!

- Sim? _ ele disse se virando e sorrindo.

- Eu quero um Diabo azul! Ele é muito gostoso. _ Eu falei. _ Como você!_ completei baixinho mordendo o lábio inchado pelos beijos ardentes.

- Ok! _ Ele disse rindo demonstrando que tinha ouvido e foi buscar.

E, novamente, parecia que o DJ estava tocando para mim. Eu estava louca para beber e me divertir e ele toca justamente Hangover, eu só tinha uma solução: Dançar e me divertir.



Continua...

______
6.900 palavras e 13 pag. de word!
isso compensa a demora?
espero que sim!
não a previsão para o prox. post!
então comentem pq eu fiz grandãooooo!!!!
Quero dedicar as cenas delena á tds as minhas leitoras e especialmente a Paty por estar sempre presente!
pf, se gostarem deixem um coment, eles me incentivam!
aqui estão as roupas da festa da Elena e do Damon:

Elena.


Damon.

Bjoooooo!!!
<3
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

OMG

Mensagem por Delena_Somerhalder em Dom Abr 15, 2012 4:30 pm

Aaaaaaaaaaaaaaaiiiiiiiiiiinnnn cenas delenas dedicadas especialmente a mim??? ameiiiiiiiii


“Essa mulher ainda me mata.”

Suspirei e meneia a cabeça sorrindo, ela sorriu para mim e eu caminhei até ela.

- Elena, Elena, não cutuque a onça com a vara curta. _ Eu disse totalmente enfeitiçado por ela. Ela tinha mudado, mas para melhor.

Aaaah quem não cutucaria?

Isaa ameiiii o capitulo!!!
Elena nada atrevidinha dançando no balcão!!!
Essa elena sem graça... O Damonzinho se oferecendo para dividir um quarto com ela e ela não quis?????
eu nem pensaria!

Ahahha ri muito com a Elena e o Damon se pegando no hotel e ela quase caindo no elevador e as caras das velhinhas de tipo " Esses jovens de hoje!!! tudo pervertidos"
Masssssss essas velhinhas de hoje tem que lembrar que não são os jovens de hoje que tem 13 filhos igual tinham antes! kkkk


Stefan se F#*&$ legal com a Elena em!!!

Maisss Ameiii o capitulooo! quero mais, quero mais!

Aaaah que bom que nós somos quase ou somos da mesma familia amey amey!!!

Beijinhoss Isa!
e mais uma vez: o capitulo esta perfeito e par
abéns pela imaginação!
beijos
com a
mor
Paty!
avatar
Delena_Somerhalder

Mensagens : 227
Data de inscrição : 25/03/2012
Idade : 21
Localização : Na caminha do Kol. Junto com ele e com o Damon.

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por marcela zernosekovas em Ter Abr 17, 2012 9:19 am

UAAAAAAAAAAAAL MAS QUE CAPITULO FOI ESSE? HAUHUAHAUHAUAHUA SUPER ANSIOSA PELO PRÓXIMO!!
avatar
marcela zernosekovas

Mensagens : 25
Data de inscrição : 23/03/2012
Idade : 22

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por Thalyta Samora em Sex Abr 20, 2012 7:02 pm

Oi miga caraca a lena tá doidona em kkkkkk tá certo tem mais é q aproveitar com aquilo TUDO q ela tem kkkkkk bis
avatar
Thalyta Samora

Mensagens : 30
Data de inscrição : 02/09/2011
Idade : 19
Localização : Nos meus belos sonhos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cherry

Mensagem por Thalyta Samora em Dom Abr 22, 2012 6:31 pm

Oi mamys eu quero um capítulo pra mim também! E nem vem,vc sabe muito bem do q eu gosto há hoje eu comprei ums capítulos da 2 temporada se vc quiser emprestado é só falar bjoks xau (pelo amor d damon salvatore to morrendo de saudade de tu)
avatar
Thalyta Samora

Mensagens : 30
Data de inscrição : 02/09/2011
Idade : 19
Localização : Nos meus belos sonhos

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

AVISO! SUPER, MEGA, HIPER IMPORTANTE!

Mensagem por isabela c tonon em Ter Abr 24, 2012 3:28 pm

COMUNICADO A TODAS LEITORAS!


LEIAM COM ATENÇÃO!
Pessoal.
de acordo com as novas regras do forum e da area das fanfics
deverá ser aberto para cada fanfic um tópico ESPECIFICO e somente para comentarios.
as punições para o descumprimento da regra é o bloqueio temporario ou definitivo e a exclusão da fic, alem de afastamento e até expulsão do forum.
então, por isso, eu criei o tópico Arrow A Party every Day and Night [COMENTÁRIOS] <--- este é o link.
POR FAVOR! só comentem neste tópico,
se não, infelizmente terei que reportar a moderação o problema.
se não, a fic será definitivamente bloqueada!
então, esté é o aviso oficial aqui na fic, mas como sabem e eu tb sei, todos os usuarios receberam uma MP com as novas regras então, se isso acontecer, vou presumir que fizeram por engano (o famoso "sem querer") e te enviar uma MP para deletar o coment.
se acontecer de novo, eu já vou tomar a medida (que eu realmente não quero tomar) que é reportar a situação.
Desculpe se fui um pouco grossa, mas quero deixar BEM CLARO a gravidade da situação.
Sorry pelo o transtorno!
com amor,
Isabela Like a Star @ heaven

P.S: Para não haver erros, a URL do tópico de comentarios: http://diariosdovampiro.forumeiros.com/t2137-a-party-every-day-and-night-comentarios
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Party every Day and Night

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 12 de 13 Anterior  1, 2, 3 ... , 11, 12, 13  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum