Parceria
SIGMA CAMISETAS
Votação

Quem você quer entrevistar?

64% 64% [ 9 ]
36% 36% [ 5 ]

Total dos votos : 14


O fim pode ser apenas o começo.

Página 6 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 5, 6, 7 ... 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por NandaSalvatore em Ter Dez 13, 2011 8:23 pm

Flor,

Adorei o cap.
Poxa, até imagino a Elena toda boba acordando e vendo o Damon do lado dela.
Acho q eles deviam ter se agarrado mais Twisted Evil
Porra, Bonnie eh fofoqueira.
Nao sei pq td mundo fica :affraid com a ideia da Lena trocando o Stef pelo Damon
avatar
NandaSalvatore

Mensagens : 5777
Data de inscrição : 16/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Gláucia em Ter Dez 13, 2011 8:28 pm

Amei o cap.....
mas vc só me deixou mais curiosa ainda ....kkkkk
Não quero pressionar não...

Então se for possível....POSTA LOGO POR FAVOR VOU FIKAR LOUKA........pronto falei ufa...

Bjim...aguardo o proximo cap hein Bonn.......
avatar
Gláucia

Mensagens : 290
Data de inscrição : 21/11/2011
Idade : 27
Localização : Barueri, SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Gláucia em Ter Dez 13, 2011 8:30 pm

NandaSalvatore escreveu:Flor,

Adorei o cap.
Poxa, até imagino a Elena toda boba acordando e vendo o Damon do lado dela.
Acho q eles deviam ter se agarrado mais Twisted Evil
Porra, Bonnie eh fofoqueira.
Nao sei pq td mundo fica :affraid com a ideia da Lena trocando o Stef pelo Damon


Tbm não consigo entender Nanda... ele é tão...tão...sei lá...Damon.....

Mesmo o Estefan tbm sendo um gato eu não pensaria duas vezes........ Evil or Very Mad
avatar
Gláucia

Mensagens : 290
Data de inscrição : 21/11/2011
Idade : 27
Localização : Barueri, SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por carolina cardinal em Ter Dez 13, 2011 8:32 pm

haaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
muito bom!!!!!!!!
espero que o brian nao consiga!!!!
avatar
carolina cardinal

Mensagens : 455
Data de inscrição : 21/11/2011
Idade : 24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Ter Dez 13, 2011 8:35 pm

Naaanda *-*
Quem não iria ficar toda boba né? kkkkkkkk
Pode deixar que logo logo tem mais Very Happy Twisted Evil
Porque será que todo mundo fica assim né? Poooorque? uhaushuahsuahushauhsuahu

Beeijos
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Ter Dez 13, 2011 8:36 pm

Gláucia!
Que bom que gostou amr ><
Pode deixar que amanhã tem post-duplo Very Happy
Beeijos

P.S.: Acho que ninguém pensaria duas vezes! kkkkkkkkkkkkkkkkkk
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Ter Dez 13, 2011 8:38 pm

Carolina!
Que bom que gostou *-------*
Também espero que ele não consiga! uuahsuhauhsuahs
Beeijos
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por isabela c tonon em Qua Dez 14, 2011 12:56 pm

afilhada!!!!!
tá mt bom tá!!
eu nao comentei antes pq minha net tá com probema e eu nao to conseguindo conectar!
to n seca..em pc imprestado..
bjoss linda
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Qua Dez 14, 2011 2:56 pm

Isa-Madrinha *-*
Que bom que está gostando, fico mto feliz ><
E eu entendo o que você tá passando... já passei por isso. aushuahsuhaush
Beeijos
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bia Pierce em Qua Dez 14, 2011 5:32 pm

adorei o capt
fofo o momento delena
queria um damon desses pra mim
mais uma q nao entende o pk de todo mundo nao entender q a elena prefere o damon
fiquei ansiosa no finzinho
nao quero q o brian consiga
avatar
Bia Pierce

Mensagens : 230
Data de inscrição : 04/11/2011
Idade : 22
Localização : São Paulo

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Qua Dez 14, 2011 6:07 pm

Biia! Também amo delena *o*
kkkkk, ngm entende né? mas eu sim. uahsuauhsuahushuahsu eu acho. kkk
Eu também não quero que ele consiga ):
vo postar a continuação agora.
Beeijos
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Qua Dez 14, 2011 6:10 pm

Meninas, to postando o cap. 11 agora e o 12 talvez vem mais tarde...
O motivo: vo viajar... então hoje e amanha vo tentar postar muito.
Beeijos pessoas lindas s2

Capitulo 11 – Feitiço Inacabado (parte 2)
- Ok, pegaram as velas? – Bonnie dizia impaciente.
- Sim, já tá tudo aí bruxinha. – Damon disse enquanto dava um sorrisinho para Elena, fazendo a garota corar ainda mais.
Stefan ainda se perguntava o porquê daquela situação. Elena nunca fora de ficar tímida perto de Damon... Ainda mais ficar vermelha daquele jeito. Ele se segurava pra não puxar ela para algum lugar mais reservado e perguntar a ela o que estava acontecendo, mas aí ele se lembrou de que não namorava mais com ela e sendo assim, não tinha mais esse direito. Ele se lembrou de tudo que eles já viveram e uma tristeza profunda tomou conta dele. Das suas conversas, dos seus beijos, de seus momentos mais íntimos... Foi aí que ele se tocou. Ele só havia visto Elena corar duas vezes. A primeira quando eles se viram no cemitério e a segunda quando eles... Ah não! Ela não poderia ter feito isso. Não com Damon... E dois dias depois de eles terem terminado. Será que ela terminou só por causa dele? Só por causa disso?
Ele mal percebeu quando Bonnie deu inicio ao feitiço, murmurando palavras estranhas sobre velas que cercavam a pedra... Ele precisava se livrar desse pesadelo. Ele não descansaria até saber a verdade.
---
Brian e Kátila espreitavam a casa atrás de uma árvore que ficava de frente para a sala principal. Podiam ver a bruxa realizando o feitiço e esperavam a melhor hora para atacar. Ele sabia que nada podia contra todos aqueles, mas se com a ajuda da mulher ao seu lado, ele poderia pegar a pedra no momento certo.
- Já sabe o que fazer? – Ele fez sua voz ecoar na cabeça da bruxa.
Ela apenas balançou a cabeça, olhando fixamente para frente, como se estivesse muito concentrada em algo. Kátila viu Bonnie murmurando algumas palavras, fazendo com que as chamas das velas aumentassem e percebeu que essa era o momento perfeito. A bruxa fechou os olhos e de repente um vento forte soprou em direção a casa, fazendo com que as velas fossem apagadas, ela sabia que com isso Bonnie não poderia continuar o feitiço. Ela não podia invocar duas forças opostas ao mesmo tempo. Kátila se sentia em conflito. Ela queria mais do que tudo ajudar a garota a continuar aquele processo, mas ao mesmo tempo ela sentia que era seu dever obedecer a Brian, fazer o que fosse que ele pedisse. Sua mente parecia um turbilhão de pensamentos e emoções enquanto todos dentro daquela casa se espantavam, achando que isso era uma resposta da natureza ao feitiço de Bonnie, mas a garota sabia que não era.
Dentro da mansão Elena encarava a amiga, que parecia tão concentrada que não poderia ouvir nada que estava acontecendo ao seu redor. A garota se arrepiou com o vento que soprava janela adentro. Será que seria muito estranho se ela abraçasse Damon naquele momento? Esse tipo de perguntava rondava sua mente e ela sabia a resposta. É claro que sim. Ela já podia imaginar a reação de Stefan, mal sabendo que naquele momento ela era motivo de discussões internas do rapaz.
De repente Bonnie abriu os olhos, soltando um longo suspiro.
- O que foi, deu certo Bonnie? – Stefan a olhava de maneira estranha.
- Não. Também não sei por que esse vento forte soprou. Se eu não posso invocar duas forças opostas, isso só pode ser sinal de negação. As bruxas do submundo não querem que eu retire o poder do Diamante Negro.
- Como assim? Você é bruxa! Elas deviam interferir...
- Eu sei que sou bruxa Damon, não precisa me falar. – ela olhou para ele com arrogância – Mas isso não quer dizer que outras bruxas não possam interferir no que estou fazendo. Se elas acharem que estou modificando o equilíbrio natural, elas podem agir contra.
- Vamos tentar de novo amanhã então. – Elena disse calmamente.
- Elena é a sua vida que está em jogo! E você ainda pensa em agir calmamente?
Foi a primeira vez que Damon falou diretamente com ela durante todo aquele tempo.
- O que podemos fazer? Nada, esperar e tentarmos amanhã. Você tem alguma atividade importante na escola amanhã Bonn?
- Acho que não... Por quê? – ela recolhia as velas e as colocava dentro de uma caixa.
- Então vamos tentar amanhã cedo. Isso tem que dar certo.
- Ok então. Agora eu vou ir porque tenho muita coisa para fazer em casa.
- Vamos, eu te levo. – Elena ia andando em direção à porta.
Elena já entrava no carro quando alguém a chamou.
Ei, - Damon chamou – Preciso falar com você depois, pode ser?
A garota concordou e entrou no carro, percebendo que Bonnie a encarava.
- Você gosta mesmo dele não é?
- Claro que não! De onde que você tirou isso? – Elena parecia concentrada demais no volante.
- Sei... Vem me dizer que você transou com o Damon sem sentir nada por ele? Ah vá.
De onde que Bonnie havia tirado esse lado irônico? Só podia ser convivência. Elena não estava pronta para admitir que am...amava Damon. Será que não achariam precipitado?
- Eu não sei. – ela só respondeu, enquanto estacionava na frente da casa da amiga.
- Não vem com esse papinho de eu não sei que eu te conheço Elena Gilbert. Tchau.
Ela deu um abraço na amiga e desceu do carro. Elena esperou ela entrar e foi direto pra casa, a curiosidade sobre o que Damon queria conversar com ela a estava matando.
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por NandaSalvatore em Qua Dez 14, 2011 7:11 pm

Bonn,
Adorei o cap.
Muito bom
Chupa Stefn!vc perdeu!!
Hahahahaha
Ain, acho que era. Katila q impediu o feitiço neh?
Ah, Elena abraca logo o Damon
Pega ele!
E essa Bonnie?
Intrometida ela neh?
avatar
NandaSalvatore

Mensagens : 5777
Data de inscrição : 16/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Qua Dez 14, 2011 8:49 pm

Nanda!
Que bom que gostou *-*
Pode deixar que logo logo a Elena vai 'pegar' ele >< uahsuhauhsuahs
Também acho a Bonnie mt intrometida. kkk
Beijoos
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por carolina cardinal em Qua Dez 14, 2011 10:28 pm

deixa de vergonha elena!!!!!
pega logo o seu homem!!!!!
continuaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa
avatar
carolina cardinal

Mensagens : 455
Data de inscrição : 21/11/2011
Idade : 24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por isabela c tonon em Qui Dez 15, 2011 2:46 pm

vc já fez td q teve direito com ele e agr tá com vergonha?
inacreditavel!
quero mais afilhada!
ty adoro viu?
bjossss
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Dom Dez 18, 2011 7:34 pm

Carolina!
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, Elena bobinha nér? uahsuhauhsuah
Pode deixar que amanhã tem mais!
Tava viajando esses dias e não deu pra postar ://
Beijos :*
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Dom Dez 18, 2011 7:37 pm

Isa-madrinha!
Também concordo. ahsuahushauhs,
Pode deixar que logo tem mais ><
Beeijos, te adoro s2
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por isabela c tonon em Seg Dez 19, 2011 2:25 pm

tb te adoro flor!!!
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Seg Dez 19, 2011 10:43 pm

Pessoas lindas ><
Mais um capitulo pra vocês.. Eu sei que ficou enorme. Me perdoem
Beeeijos, amo vocês. s2

Capitulo 12 – Finalmente.
- Jeremy? – A garota perguntou enquanto entrava na casa.
- Aqui na cozinha, Elena.
A garota andou até lá e se deparou com a coisa mais estranha que ela já havia presenciado.
- Desde quando você sabe cozinhar Jer? – ela disse olhando de lado dentro das panelas.
- Hmm, desde que Stefan me ensinou.
- Quando que ele fez isso? – a curiosidade a estava dominando. Os dois nunca foram amigos, como de uma hora pra outra Stefan iria ensinar seu irmão a cozinhar?
- Semana passada quando você tava lá na Bonnie.
- Hmm. E tá fazendo o jantar pra quem?
- Como você ainda pergunta? Pra minha namorada né! – Ele disse enquanto ria.
- Ta bom então, vou subir. Não quero atrapalhar ninguém.
A garota pegou um pacote de chips no armário e subiu. Ela merecia um banho.
Elena entrou debaixo do chuveiro e automaticamente as lembranças de sua noite com Damon invadiram sua mente. Mesmo que talvez não tivesse sido a coisa certa a fazer, ela não conseguia se arrepender, porque mesmo sendo tão errado, era nos braços dele que ela queria estar naquele momento. Ela saiu do banheiro e deitou em sua cama. O perfume dele ainda impregnava seus lençóis e pensar que pra ele poderia não ter significado nada tudo aquilo a deixava triste, porque pra ela, aquela tinha sido a melhor noite de sua vida.
---
- Ok, Tefinha. Não vou ficar discutindo aqui com você, estou saindo.
- E posso saber aonde que você vai? – Stefan o encarava, iria arrancar a verdade de Damon.
- Você é minha mãe por acaso?
- Fala logo que você está indo na casa da Elena! – O mais novo dos Salvatore gritou.
- O que? De onde tirou isso? Estou indo no Grill. Tenho mais o que fazer.
Ele não esperou que Stefan respondesse. Como ele havia descoberto isso?
Poucos minutos depois ele estava em frente à janela do quarto de Elena, antes que alguém percebesse ele pulou até a árvore que estava próxima. Então ele pode ver ela sentada em sua cama, comendo chips e... O que? Ela estava cantando? Ele viu o iPhone da garota sobre a mesinha e descobriu a musica. Sweet Child O' Mine. Desde quando Elena gostava de Guns N’ Roses? Ele não aguentou. Meio segundo depois ele estava no quarto da garota.

- Damon! Você me assustou. – ela disse vendo que metade do conteúdo do seu saquinho de chips havia derrubado.
- Pensei que já estivesse acostumada. – ele abriu um sorriso, se sentando ao lado da garota. – E por sinal... Também não sabia que você gostava de rock.
Ela olhou para ele pelo canto do olho.
- Eu gosto sim. Porque, vai me dizer que não gosta?
- Claro que sim... Mas eu vim pra tratar de outro assunto com você.
Ela tinha medo do que seria esse assunto. Provavelmente para esclarecer a ela que mesmo com tudo que havia acontecido... Ela sempre seria apenas seu amigo e nada mais.
- Hmm, pode falar. – Ela disse tentando parecer natural.
- Então... É sobre o que aconteceu ontem, eu não to querendo parecer um garotinho adolescente, maaaas... – ele fez uma pausa – você quer fingir que nada aconteceu mesmo?
- Como se eu tivesse outras opções né Damon. Você nunca iria ficar SÓ comigo.
Ela disse enquanto se levantava e ia ao banheiro lavar as mãos que estavam cheias de farelo de chips. Ele foi atrás dela.
- E por acaso eu disse que você não teria outras opções?
A garota parou o que estava fazendo. Como assim ela tinha outras opções? Ela só podia estar sonhando.
- Como assim?
O vampiro se aproximou e colou suas mãos nas laterais do rosto da garota.
- Damon... – Ela sussurrou.
- Sim Elena. Eu quero tentar. – ele olhava para os olhos da garota, prendendo-os a ele.
Um minuto se passou antes que a garota finalizasse o curto espaço que os distanciava. Ela não conseguia acreditar que aquilo tava realmente acontecendo. O vampiro deslizou as mãos pela cintura da morena e a pressionou na porta do banheiro. Ela sabia o que estava por vir e mesmo tendo vários outros assuntos a tratar com Damon, ela não conseguia nem se quer raciocinar direito, quanto mais conseguir falar. Eles eram como imãs, se atraíam. Ela prendeu suas pernas junto à cintura do vampiro, que a jogou na cama, trilhando centenas de beijos em seu pescoço enquanto arrancava a blusa da garota. Ela já havia passado suas mãos por debaixo da camisa do vampiro, explorando todo aquele peitoral que tanto amava.
- Ahhh, não acredito. – Os dois pararam o que estava fazendo e viraram em direção ao som.
Jeremy se encontrava na porta do banheiro com Bonnie atrás dele.
- O que você está fazendo aqui? – Elena perguntou, corando furiosamente.
- Eu que pergunto. – ele disse olhando em direção ao Damon – E pelo que eu sei, não fui eu que deixei a porta do nosso banheiro conjunto aberta.
Droga, ele tem razão. – Elena pensava, enquanto se levantava.
- Ok, vocês vão ficar parados aí mesmo?
- Até você explicar a situação... Sim. – Jeremy parecia indignado.
- Que eu saiba a irmã mais velha aqui sou eu... E você vai sair do meu quarto agora.
Ela disse olhando para Jeremy e fechando a porta. Ela ainda pode ver Bonnie lhe lançando um olhar malicioso. Ela faria a amiga pagar por aquilo ainda. Ela se virou para Damon novamente, que estava sentado na cama tendo uma crise de risos.
- O que você viu de engraçado nisso, Damon? – ela perguntou nervosa.
- A cara do Jeremy. – ele disse já se controlando – era como se fosse a primeira vez que ele visse esse tipo de coisa.
Elena esperou pacientemente até que ele parasse de rir, afinal ela nunca havia visto o vampiro rir daquele jeito. Dois minutos depois ele olhava para a garota, que estava sentada ao seu lado, o encarando de maneira curiosa.
- O que foi?
- Bom... É que eu nunca tinha visto você rindo. Mas tudo tem sua primeira vez não é?
- E uma segunda também... – ele disse enquanto a puxava para o meio da cama.
- Olha a ambiguidade. – Ela riu encarando o vampiro que pairava sobre ela. Segundos depois ela pode finalmente beija-lo novamente, aquele que agora ela podia chamar de... Namorado.
-
Brian e Kátila se encontravam em frente à casa dos Gilbert. Ele seguiu Bonnie até lá e percebeu que talvez fosse o momento perfeito. Eram 02h15min da madrugada, ele podia ouvir as respirações estáveis de cinco pessoas dentro do local, aquele era o momento perfeito.
A janela da cozinha se encontrava aberta e ele ajudou Kátila a entrar. Era uma droga precisar da maldita autorização do dono da casa para entrar.
- Já sabe onde olhar, não é? – Ele perguntou novamente a bruxa.
- Na bolsa da Bonnie.
Ela foi andando pela cozinha, procurando por qualquer sinal da bolsa. Ela só via alguns pratos em cima da pia e alguns copos em cima da mesa. Ela andou silenciosamente até a sala. Não havia nem sinal da bolsa. Ela esperava não ter que ir até o segundo andar, mas viu que era necessário.
Ela se deparou com um corredor com cinco portas.
Abriu a primeira, era um banheiro. Ela olhou por trás da porta, mas não achou nada além de algumas peças de roupa. Ela fechou a porta cuidadosamente e foi para a segunda.
Era um quarto. Aleluia. Talvez esteja aqui. Ela olhou ao redor, apenas uma mulher com aparência de 30 anos em sono profundo. Aquela não era a bruxa.
Ela abriu a terceira porta. Aquele quarto havia diversas coisas espalhadas por cima da cômoda e várias outras coisas pelo quarto. Duas pessoas dormiam na cama... Ela reconhecia aqueles.
Damon e Elena. Ela já havia escutado bastante deles, principalmente de Brian.
Não seria ali que o Diamante estaria ela tinha certeza disso. Ela avistou uma segunda porta naquele quarto, que ela cuidadosamente abriu. Era outro banheiro. Ela olhou em volta, talvez estivesse lá afinal. Não estava. Mas logo ao lado se estendia outra porta. Que complicação. Ela pensava enquanto abria a outra lentamente. Finalmente. Era o quarto do irmão da garota... E ao lado dele na cama estava a bruxa. Eles se encontravam com poucas roupas e com as mãos dadas. Isso a lembrou de sua vida antes de Brian interferir nela... O que ela poderia fazer? Fingir que esqueceu toda a sua família e o seu namorado? Ela pensaria nisso mais tarde.
Aquele quarto era um pouco mais escuro do que o outro, mas isso não a impossibilitava de enxergar qualquer objeto ali, porque por sorte, o abajur se encontrava ligado. Ela viu uma bolsinha marrom jogada num canto. Ela a pegou e a abriu dentro do banheiro, com medo de que aquilo faria muito barulho. E num compartimento pequeno, se encontrava a pequena pedra. Ela a pegou e colocou a bolsa da garota no lugar. Passou novamente pelo banheiro, se lembrando de fechar todas as portas.
Chegou ao quarto da garota, ela caminhou em direção à porta.
Ela se encontrava fechada. Mas ela a havia deixado aberta... Algo estava errado. Ela olhou para a cama, só a garota se encontrava lá. Merda!
A bruxa abriu a porta o mais silenciosamente que pode e foi para fora. Olhou escada abaixo. O vampiro estava subindo as escadas novamente. Ela não teve muito tempo para pensar. Avistou uma janela aberta no fim do corredor. Ela praticamente se jogou até ela.
---
Damon havia descido para tomar um copo d’água. Era meio estranho, mas ele se sentia com a garganta seca... Mas não a mesma sede de sangue. Ele subiu as escadas em velocidade humana, ainda não acreditando que Elena era dele finalmente. Só dele. Ele estranhou o fato da porta do quarto estar aberta ao ter saído, ele se lembrava de ter visto ela fechada, mas talvez fosse só Jeremy e sua incrível capacidade de ser extremamente curioso.
Ele parecia ouvir alguém no andar de cima, uma respiração diferente das outras. Ele subiu rapidamente, mas não viu nada. A janela no fim do corredor se encontrava aberta. O vampiro andou até lá e olhou para baixo... Nada. Talvez fosse só a sua imaginação. Ele voltou para o quarto da namorada... Ah, o orgulho que ele tinha de dizer isso. Só não esfregaria na cara do irmão, porque mesmo que ele não esteja mais namorando com Elena, ele sabia que o vampiro ainda sentia algo por ela. Ele puxou o corpo da garota até si, eles se moldavam perfeitamente. Como se eles tivessem sido feitos um para o outro. Ele sorriu com a ideia.
---
Kátila se encontrava agarrada com uma mão à marquise da casa. Sua sorte era que ela estava escondida pelas telhas que cobriam o concreto. Ela viu que Brian não iria aparecer e se colocou à própria sorte. Ela se soltou. Sua queda foi silenciada pelos pequenos arbustos que rodeavam a casa. A bruxa rapidamente deu a volta, chegando ao local em que Brian estava.
- Conseguiu a pedra? – Ele disse.
- Consegui.
- Bom trabalho, vamos sair daqui.
Ela sorriu. Ela já havia arquitetado um plano em sua mente, talvez isso fizesse Brian a libertar. Teria que funcionar.


Última edição por Bonn em Ter Dez 20, 2011 11:28 am, editado 2 vez(es)
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por carolina cardinal em Ter Dez 20, 2011 12:06 am

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAALELUIA AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAALELUIA ALELUIA ALELUIA ALEEEELUUUIA!!!!
AMEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEI
avatar
carolina cardinal

Mensagens : 455
Data de inscrição : 21/11/2011
Idade : 24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Ter Dez 20, 2011 11:12 am

Que bom que gostou Carolina *-*
Desculpa pela demora tá? Embarassed
Beijos
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por carolina cardinal em Ter Dez 20, 2011 11:50 am

tudo bem!
tbm demoro para postar na minha ;p
avatar
carolina cardinal

Mensagens : 455
Data de inscrição : 21/11/2011
Idade : 24

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Bonn em Ter Dez 20, 2011 12:35 pm

carolina cardinal escreveu:tudo bem!
tbm demoro para postar na minha ;p

nóis então. uahsuahushaushuha
:B
avatar
Bonn

Mensagens : 526
Data de inscrição : 01/12/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por NandaSalvatore em Ter Dez 20, 2011 7:15 pm

Flor,
Adorei o cap
Ah
Elena achando q o Damon nao ia ser Delena
Ele tre ama, tonta
E ele provou isso
Jer seu intrometido
Para de atrapalhar o hot Delena
Delena juntos amo
Oh nao, pegaram o diamante
e agora?
avatar
NandaSalvatore

Mensagens : 5777
Data de inscrição : 16/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O fim pode ser apenas o começo.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 6 de 11 Anterior  1, 2, 3 ... 5, 6, 7 ... 9, 10, 11  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum