Parceria
SIGMA CAMISETAS
Votação

Quem você quer entrevistar?

64% 64% [ 9 ]
36% 36% [ 5 ]

Total dos votos : 14


The Hunter

Página 4 de 35 Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 19 ... 35  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Sab Out 15, 2011 10:18 pm

Por isso veja agora um lado mais suave da Lena...
Essa é pra você Bells ( personagem de crepúsculo é?, ui, só nos vampiros)
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Sab Out 15, 2011 10:22 pm

Elena voltava para abrigo com as compras e com uma pergunta martelando na cabeça. “Que tipo de monstro é você?”. Ela não sabia responder. Sabia que era um monstro. Disso tinha certeza. Não era como os vampiros. Será? Ela também matava, provocava, lutava. Mas sempre pensava que fazia tudo por um bem maior.

Mas a cada dia que passava, a cada mês, a cada ano e os sentimentos que tinha, foram desaparecendo ela começou a se perguntar no que estava se transformando.

Empurrou as dúvidas para o canto mais profundo de sua mente. Não podia se preocupar com isso agora.
Tinha coisas mais importantes. Tinha John, um vampiro antigo que estava praticamente formando uma gangue e tinha o jantar.

Era um tanto estranho, mas cozinha relaxava Elena, isso e o treinamento diário que fazia. Duas coisas bem diferentes que a agradavam muito.

- Como foi? – Perguntou John assim que ela entrou no quarto.

- Foi tudo bem – Ela respondeu enquanto checava o ferimento. Apesar de pequeno ela havia precisado dar ponto, e de duas em duas horas ela checava para vê se os pontos não estavam infeccionando. Tudo que ela menos queria agora era uma infecção.

- Nada ocorreu? – Ela olhou diretamente nos olhos dele antes de responder. Sabia que isso o acalmaria.

- Nada. - Mentiu.

- Bom – Ele estava visivelmente se esforçando para manter aquela conversação. Deveria ser as costelas.

- Vou começar a fazer o jantar, descanse um pouco – Ele sorriu, antes de praticamente de cair em um sono profundo.

John fizera questão de estar sentado para o jantar, então Elena o ajudou a se recostar na cama. Obviamente ela não iria permitir que ele saísse dela, ele sabia disso.

- Está muito bom – Ele elogiou a comida e ela sorriu. Gostava quando ele fazia isso. Mas não ia dar muito certo. Não dessa vez.

- E então, o que iremos fazer? – Abordou logo o assunto que ele tentava se desviar.

- Droga Elena, será que não podemos jantar em paz não? – Elena respirou fundo. Reconhecia frustação quando a via.

- Não John e você sabe disso. Precisamos decidir o que vamos fazer.

- Só que eu não sei o que fazer Lena, eu não sei o que fazer – Explodiu ele. – Eu simplesmente nunca vi uma coisa dessa. E pela primeira vez na vida estou com medo.

- Eu sei John, eu também estou com medo. Mas é por isso mesmo que temos que fazer alguma coisa. Se não fizermos ninguém mais irá fazer e então o que será do mundo? – Disse ela brincando um pouco, o fazendo sorrir.

- Não saberia o que fazer sem você Elena. Você sempre foi tão corajosa e tola – Ela riu – Eu lembro quando você chegou em minha casa. Deprimida, abatida, quase morta, mas ao mesmo tempo cheia de vida. Eu tenho tanto orgulho de você minha menina – Ele segurou a mão dela e ela apertou.

- Não John, eu que tenho orgulho de você – Ela disse com a voz embargada por causa do nó em sua garganta.

Talvez ela não fosse o monstro que achava que era.
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por isabela c tonon em Sab Out 15, 2011 10:25 pm

aiii q bomm é eu amo crepusculo tb
++ o meu nome é Isabela msm
só q só tem um " L " e o da bella tem 2
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por isabela c tonon em Sab Out 15, 2011 10:28 pm

aii menina é cada Vampiro + gostoso q o outro q me aparece
só na apreciação gerall kkkk
++ eu ñ só aprecio como provo tb
uéee? tem q se fazer um testh drive né??
kkkkkk
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Sab Out 15, 2011 10:30 pm

Eu amo crepúsculo + 1
Vai pra estréia de amanhecer?
Só por causa de um L? Isso não importa.
E pode ser Bels HAHAHAHAHA ( É a Bela brasileira)
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Sab Out 15, 2011 10:32 pm

isabela c tonon escreveu:aii menina é cada Vampiro + gostoso q o outro q me aparece
só na apreciação gerall kkkk
++ eu ñ só aprecio como provo tb
uéee? tem q se fazer um testh drive né??
kkkkkk


Eu ri
Mas estou com você nessa.
O pior é que não da pra se decidir, qual é o melhor, todos são tão bons ( apesar que estou fortemente ligada ao Damon)
E é como diz o ditado: Se você compra sem provar a fruta pode esta estragada ( esse ditado não existe, eu inventei)
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por isabela c tonon em Sab Out 15, 2011 10:36 pm

kkk amei o ditado..
menina eu vou pra estreia simm
as minhas amigas tão querendo ir pro rio ver á premier com os atores eu acho q eu vou... se meu pai deixar né?? kkkk
osvamps hj em dia tão dificeis d escolher são mt bons... kkk
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Sab Out 15, 2011 10:41 pm

isabela c tonon escreveu:kkk amei o ditado..
menina eu vou pra estreia simm
as minhas amigas tão querendo ir pro rio ver á premier com os atores eu acho q eu vou... se meu pai deixar né?? kkkk
osvamps hj em dia tão dificeis d escolher são mt bons... kkk

Perfeito esse ditado neh HAHAHAHAH
Eu já to com o ingresso comprado.
Cara, isso de ir pra premier é tenso... mas é perfect. Pelo menos tente neh? Mal não vai ter.
Eu mesma fui pro rio mês passado, jurava que meu pai não ia deixar. Ele tanto deixou como banco tudo. ( tenho certeza que ele foi abduzido por ervilhas inteligentes de outro planeta)
Nem me fale. É cada um mais delicioso que o outro. ( Menos o Stefan, PAREI)
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por isabela c tonon em Sab Out 15, 2011 10:54 pm

kkkkk meu Deus ele foi abduzido msm (meu pai acredita em aliens msm, vdd)
ahh o Stef é um pastel com certeza e sem sombra d duvida.. kkkk
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Sab Out 15, 2011 11:08 pm

isabela c tonon escreveu:kkkkk meu Deus ele foi abduzido msm (meu pai acredita em aliens msm, vdd)
ahh o Stef é um pastel com certeza e sem sombra d duvida.. kkkk

kkkkkkkkkkkkkkkkkk, eu ri com essa do seu pai.
Eu tenho medo de alien // fato. Depois daquele filme contatos de quarto grau, fiquei traumatizada
Você quis dizer que ele tem a cara de um pastel neh? kkkkkkkkkkk brinks
Não acho o Paul muito bonito não, mas adoro ele, tanto que só comecei a vê a série por causa dele.
Ele fez uma série que eu amo e isso me empolgou. ( Passei esse tempo todo sem assistir, como pude fazer isso?)
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Sab Out 15, 2011 11:12 pm

Estou escrevendo o terceiro capítulo já e Gosh, estou tão empolgada. A cena que acabei de fazer me arrepiou... não sei porque mais foi emocionante.
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Dom Out 16, 2011 6:34 am

Capítulo III

Havia acabado de se exercitar, fizera um treinara muito duramente, só havia parado porque seus músculos começaram a enrijecer e ela sabia que isso não era bom, não queria ficar dolorida no outro dia.

Passou no quarto do John para outra verificação - ele ainda dormia – e seguiu para o seu quarto.

Estava se sentindo suja e pegajosa, mas não era só por causa do suor que banhava seu corpo. Era por tudo. Pela declaração de John ao jantar. Pela pergunta não saia de sua cabeça. Pelas dúvidas que começam a incomodá-la.

Agora só faltava ela falar sozinha.

Ela riu.

Sabia exatamente do que precisava. Rapidamente tirou a roupa e entrou no banho. Saiu meia hora depois enrolada em uma toalha branca e secando seu cabelo. Elena sorriu ao pensa na época em que odiava seu cabelo. Aquela coisa lisa e grande que atrapalhava. Chegou até um momento que tinha pensado em cortá-lo, mas John havia interferido. Ainda lembrava do que ele tinha falado: Como pode pensar em destruir ao tão simples e belo Elena? Ela tinha retrucado dizendo que era uma desvantagem, que poderia ser usado contra ela. E ele replicara dizendo que ela podia usa-lo a favor dela.

Depois desse dia, ela nunca mais pensou em cortar seu cabelo. Ao contrario, deixava-o crescer. Assim podia fazer coisas incríveis com ele. Como esconder uma estaca. Riu ao lembrar de uma vez que tinha feito exatamente isso.

Preparou-se com cuidado. A roupa que começou a usar foi totalmente e metodicamente escolhida para aquela ocasião. Calça jeans justa, botas de combate, uma pequena blusa preta que mostrava mais do que escondia e sua jaqueta de couro. Para alguém ela parecia mais alguém em busca de diversão. E era exatamente aquilo que era queria. Diversão.

Estava louca por uma noite fora. Algo arriscado, mas necessário.

Elena entrou no local e foi diretamente ao bar.

- Uma cerveja – Pediu ao barman lançando um sorriso atraente.

- Identidade, por favor – Pediu ele olhando estranho pra ela, que tirou uma identidade do bolso e colocou no balcão. O homem se inclinou para conferir.

- Você parece mais nova que 22 anos – Disse ele já entregando a cerveja dela que guardava o documento.

- Isso foi um elogio? – Perguntou provocativa.

- Pra você? Com certeza. – Ela sorriu e tomou um grande gole da bebida.

Continuou sentada no bar olhando a movimentação, as pessoas bebiam, dançavam, ficavam e nem imaginavam do perigo que corriam. Às vezes ela queria ser assim. Tinha certeza que seria exatamente como uma daquelas meninas que havia visto em um grupo. Ela sorria verdadeiramente enquanto abraçava um garoto, que a olhava como se fosse à coisa mais importante do mundo. Mas depois ela voltava para realidade. Ela não podia ser assim. Ela pensava naquela menina, para ela ter uma chance, casar, ter filhos, envelhecer, o mundo teria que ser livre do mal.

- Interrompo? – Ela saiu dos seus pensamentos e olhou para o homem ao seu lado. Havia sido ele que tinha falado. Ela o observou atentamente. Olhos verdes, cabelos loiros, muito bonito.

- Só os meus pensamentos – respondeu e deu outro gole na bebida.

- Que eram? – Perguntou curioso.

- Íntimos – Ela sorriu.

- Mulheres como você, não deveriam guardar segredos. – Disse ele chegando muito próximo dela.

- E homens como você, não deveriam tentar desvendar segredos de mulheres como eu – Retrucou ela, também chegando próximo a ele.

- Bom ponto. – Ele se afastou.

- Eu sei.

- E então o que a trouxa a cidade? – Perguntou ele.

- Você quer a verdade ou a mentira? – Perguntou ela.

- A verdade. Sempre. A verdade nos liberta. Não é isso o que dizem?

- Não sou muito de acreditar em fofoca – Brincou ela.

- E então?

- O que?

- O que a trouxe a cidade? – Repetiu a pergunta.

- Você – Respondeu ela.


Última edição por Silmy em Seg Out 17, 2011 3:17 am, editado 1 vez(es)
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Dom Out 16, 2011 6:47 am

Hei babys, estou indo pra casa da minha Sis ( conhecer minha sobrinha linda de 14 dias de vida \o/) lá a net é horrivel ( odeio 3G) então não sei se vou postar alguma coisa enquanto tiver lá... Não tenho dia pra voltar... Mas sei que volto antes do dia 20 ( fato) então deixo vocês com o que eu já escrevi até agora. Espero que gostem.
Beijos!
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Dom Out 16, 2011 6:50 am

Ele não esboçou nenhuma reação. Ele era bom, muito bom. E ela pediu outra cerveja.

- Como você descobriu? – Perguntou ele pedindo outra bebida também.

- Você é incrivelmente bonito. Bonito demais para um simples humano. E antes que você pergunte. Sua arrogância o delatou, nenhum outro da sua espécie, viria até mim sabendo quem eu sou, sem intenções de me matar.

- E o que te faz pensar que eu não tenho a intenção de te matar?

- Se você quisesse me matar, agora eu estaria morta. – Bebeu um gole de sua bebida, pois sua boca estava ressecada – Isso significa que você quer algo de mim.

- Gosto de você Elena – Ela não se espantou por ele saber o seu nome. – Você, como eu posso dizer, me intriga. Gosto de surpresas. De desvendar segredos. E eu sei que você em si querida é um segredo.

- Espera mesmo que eu acredite nesse bando de bobagem? Por favor, querido – Ironizou a ultima palavra – Não insulte a minha inteligente.

- Minha pequena cética. – Ele sorriu e ela percebeu que ele estava se divertindo. Isso era bom. – Acredite em mim quando eu digo que estou completamente enamorado por você.

A garota gargalhou ruidosamente. Não conseguiu se controlar.

- Vamos fingir que eu acredite nisso ai. O que exatamente você quer de mim?

- Você querida, eu quero apenas você. – Falou ele sedutor. Os olhos deles brilhavam de uma forma que encantadora. Sua boca levemente aberta parecia implorar por um beijo.

Sensualmente ela se inclinou para ele. Estava tão perto que podia sentir o seu cheiro. Era doce e amargo ao mesmo tempo
.
- Pois querido, eu não quero você – Sussurrou no ouvido dele. – Você nunca vai me ter. Nunca.

- O que eu quero, eu tomo Elena, tenha consciência disso. – Sussurrou ele no ouvido dela, a fazendo se arrepiar.

- Uma pena que você não estará aqui para tentar – Ela sorriu maldosamente.

A boca dele abriu em um pequeno “ah” e ela acompanhou o olhar dele. Havia chegado tão próximo dele e ele havia sido tão arrogante ao pensar que ela nunca aproveitaria aquela oportunidade, mas aquela estaca no coração dele provava o contrario.

Ela retirou cuidadosamente a madeira e voltou a prender no dispositivo que ficava escondido sobre a manga da jaqueta. Havia um vampiro morto, em um bar cheio de gente, ela não poderia deixa-lo ali. Colocou o braço em volta dele e puxou pra cima, os seus músculos reclamaram mais ela não ligou. Jogou umas notas em cima do balcão.

- Bebeu demais – Explicou ao barman quando esse a olhou estranhamente.

Usando toda a sua força ela o levou pra trás do bar. Não tinha nada para queimá-lo. Nenhuma bebida, nenhum álcool. Então ia que tomar uma medida mais desesperada.

Com os conhecimentos adquiridos de movimentações clandestinas, roubou o primeiro carro que viu e o levou para o mais próximo do beco onde havia deixado o corpo. Com dificuldade colocou o vampiro morto no banco do carona.

Dirigiu até o local mais isolado, ia ser uma boa caminhada até em casa. Mas era assim que as coisas precisavam ser feitas. Abrindo o tanque de gasolina, ela acendeu um fósforo. Pelo menos aquilo ela sempre tinha não mão. Jogou o fósforo no combustível e se afastou.

Logo uma explosão aconteceu. Satisfeita ela foi seguindo pelo caminho de terra.

Em sua cabeça somente uma coisa passava.

Que diabo de sorte!

avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Doxc em Dom Out 16, 2011 10:50 am

Demorei mas estou aki!!!
Amei o capitulo(os capitulos,ou melhor)!!!
Q pena q vc só vai postar dia 20,mas pode deixar q no dia q vc postar eu vou tá aki para lê!!!!
Bjss(de uma fã desesperada)!!!!
avatar
Doxc

Mensagens : 508
Data de inscrição : 16/09/2011
Idade : 19
Localização : Conselheiro Lafaite-MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por NandaSalvatore em Dom Out 16, 2011 12:29 pm

Adorei, florzinha!
Pq vai demorar tanto pra postar?
avatar
NandaSalvatore

Mensagens : 5777
Data de inscrição : 16/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Miriam.Pierce em Dom Out 16, 2011 4:04 pm

Amei Silmy...
Posta mais depressa...bjs
avatar
Miriam.Pierce

Mensagens : 200
Data de inscrição : 18/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por isabela c tonon em Dom Out 16, 2011 5:14 pm

ahh silmyy tu madruga no pc???
aii amei esses capt. eu quero tipo.. super mega ultra ++
posta loguinho tá???
bjoosss... TVD, TWILIGHT etc.. Forever...
epa isso rimou... kkkk
avatar
isabela c tonon

Mensagens : 2789
Data de inscrição : 28/08/2011
Idade : 20
Localização : Entre lençois... Com Damon Salvatore XD

Ver perfil do usuário http://www.facebook.com/#!/profile.php?id=100002452519341

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Seg Out 17, 2011 3:12 am

isabela c tonon escreveu:ahh silmyy tu madruga no pc???
aii amei esses capt. eu quero tipo.. super mega ultra ++
posta loguinho tá???
bjoosss... TVD, TWILIGHT etc.. Forever...
epa isso rimou... kkkk

Geralmente madrugo sim.
Como hoje... são 04 da manhã ( 3 sem ser no horario de verão) e eu acordei com o
capítulo 4 na cabeça. Nao aguentei e tive que vim comecar a escrever
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Seg Out 17, 2011 3:15 am

Como eu tinha dito antes meninas. To na casa da minha irmã. Mas descobrir o porque da conexão ser ruim. Agora ela tá ótima. O que significa que vai ter post sim
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por NandaSalvatore em Seg Out 17, 2011 7:16 am

Ai que bom!!
Poste logo então!
avatar
NandaSalvatore

Mensagens : 5777
Data de inscrição : 16/04/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Seg Out 17, 2011 8:13 am

Havia se passado dois meses, aquele tinha sido o último dia de aula da garota. Para sua infelicidade – depois que contara o acontecido – John havia a forçado a permanecer no lugar para poder concluir os estudos. Com a ameaça eliminada, não havia mais trabalho para fazer, pois todos os servos do antigo haviam sumido. A vontade da garota foi de ir atrás deles e cacá-los, mas John como sempre sensato – palavras dele – havia impedido isso.

- Oficialmente não sou mais uma estudante canadense. Por favor, me dê meu prêmio – Ela havia brincado assim quando tinha chegado em casa há algumas horas atrás.

Agora estavam sentados na varanda com xícaras de chás enquanto olhavam o sol se pôr.

- O que vamos fazer agora? – Perguntou Elena, sem deixar de olhar o espetáculo que se desenrolava a sua frente.

- Eu queria falar com você sobre isso Lena, mas não sabia como tocar no assunto – Começou ele meio sem graça.

- O que foi John? Você sabe que pode falar tudo comigo. – Ela o olhou dando confiança para ele.

- Lembra há alguns anos atrás, quando estivemos no Hawai? – Ela assentiu – Eu nunca te contei, mas conheci uma mulher ... – Ele se interrompeu. – Na época estávamos trabalhando naquele caso e eu não pode você sabe continuar. Então eu tentei esquecer, pegamos outros casos e eu nunca mais a vi.

- O que você está querendo dizer é que?

- Que eu não a esqueci, Elena. Depois de todo esse tempo eu ainda a quero, ainda a amo. – Ela podia sentir a verdade em sua voz.
- E o que você vai fazer a respeito disso?

- Eu não sei. Eu pensei em procura-la, mas ...

- Mas o que John?

- Mas eu nunca poderia pedir a você para me acompanhar. Eu não sei onde ela está. Eu teria que procura-la e eu não sei quando tempo duraria. E você tem que terminar o colegial. E antes que você fale. Não. Eu nunca poderia deixar você sozinha Elena.

Elena olhou para o horizonte o sol quase não dava pra si vê agora.

- Eu não preciso ficar sozinha John.

Ela sabia exatamente aonde ir.

avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Seg Out 17, 2011 8:15 am

Capítulo IV

Elena estacionou o carro em frente a casa que deveria ser seu lar. Olhando fixamente para o lugar não conseguia notar nenhuma mudança. Ela não lembrava nada de antes da noite que Jeremy tinha sido atacado. Parecia que a vida dela havia começado a partir daí.

Para uma caçadora de vampiros como Elena, o medo era uma presença constante- e importante- em sua vida, mas nesse momento o que sentia era uma forma bastante distinta do que havia sentido em sua vida inteira.

Estava com medo de tudo. Das reações, principalmente de Jeremy, o irmão que havia amado mais do que ela mesma.

Respirando fundo, ela apagou todas aquelas imagens mentais projetadas pelo seu subconsciente e decidiu encarar o que vinhesse pela frente.

Bastou dois toques na campanhia para que logo a porta fosse aberta.

Um jovem apareceu, seus cabelos pretos e olhos castanhos, pareciam não ter mudado nada.

- Jeremy? – Ela não queria ter parecido tão patética. Não havia sido assim que ela imaginou.

- Sim sou eu. Posso te ajudar em alguma coisa? Você deve ser amiga da Jena. Entra ai. – Ela franziu o cenho. Ele saiu da porta dando espaço para ela passar. Nossa, ele tinha crescido tanto assim? Ela se pegou admirando os traços dele. Quantos anos ele tinha mesmo? Doze? Treze. Não sabia ao certo.

- Quer alguma coisa pra beber? Pode ficar a vontade. A Jenna não está em casa no momento. – Elena se horrorizou, ele estava sozinho e havia acabado de convidá-la para entrar sem ao menos conhecê-la ou checar sua identidade. Na verdade ele em nenhum momento deixou ela se explicar, presumiu logo que ela fosse amiga de Jenna. Elena sabia quem era Jenna, apesar de não a conhecer pessoalmente. Sabia que ela não tinha conhecido algum sobre a verdade obscura da família. Por isso teria que ter uma longa conversa com os dois depois, sobre convidar estranhos para entrar em casa.

- Jeremy – Apreciou aquele nome saindo de sua boca – Eu não sou amiga da Jenna. Eu nunca nem a vi.

- Não? Então quem diabos você é? – Elena sorriu do linguajar e a súbita explosão dele. Parece que aquilo também era de família.

- Acho melhor você sentar, é uma longa história – Pediu ela, enquanto se acomodava no elegante sofá. Pelo que pode reparar a casa era bastante luxuosa. Sabia que os Gilbert estavam bem de vida, só não sabia o quanto.

- E então? – Quis saber ele depois que se acomodou.

- Sabia que no quarto principal há uma passagem que dá para os dois quartos que ficam um na frente do outro? – Ele parecia visivelmente confuso – Acho que hoje em dia deve está cheia de teia de aranha e poeira. Mas se você já foi alguma vez ali, deve ter visto uma grande marca na parede. Você já viu?

- Como... Como você sabe disso? Ninguém sabe disso, apenas eu e ... – Ele parou de falar – Elena? – Perguntou ele visivelmente transtornado.

- Oi Jeremy. – Ela sorriu para o garoto que chorava – Voltei.

-Elena – Ele gritou se jogando em cima dela em um abraço desengonçado. Ela se aferrou nele. Precisava daquilo. De senti-lo. Vê que estava tudo bem.

Foram dez anos se culpando por ter abandonado o irmão, dez anos que a tornaram uma pessoa fria, dez anos que a fizeram se sentir preocupada, achando que não podia amar o irmão.

Mas ali, naquele momento, agarrada ao corpo do garoto, que tremia na mesma dela. Ela percebia o quanto esteve errada.

Ainda podia amá-lo.

Jeremy, afinal sempre seria Jeremy.
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Seg Out 17, 2011 8:19 am

Depois de um monte de lagrimas derramadas, Elena se encontrava ainda no sofá e ainda nos braços do irmão. Que parecia que não queria mais soltá-la.

- Senti saudades – Ele falou, a surpreendendo – Senti sua falta todos os dias da minha vida.

- E eu a sua. – Ela disse percebendo naquele instante, que era verdade.

- O que aconteceu? Digo, depois de tudo. Eu sei que você foi morar com o tio John, mas eu nunca entendi porque você nunca apareceu e nem ligou. Eu nunca entendi direito o que aconteceu Elena, ninguém nunca me falou nada. E toda vez que eu mencionava o seu nome, o pai e a mãe davam um jeito de não tocar no assunto.

- Eu... Eu não podia voltar, não estava pronta. Não depois do houve aquela noite. Eu me culpei Jeremy. Por muito tempo eu achei que tivesse a culpa de tudo.

- Mas você não teve Elena. Como você poderia ter tido? Só se foi você que mandou aquele urso me pegar.

A história oficial na época foi ataque de animal. Não tinha como explicar os ferimentos do garotinho que teve uma boa parte do pescoço dilacerada. Elena ainda lembrava-se do sangue.

- Mas eu estava tomando conta de você. Eu não deveria ter sido tão desatenta. Se eu não tivesse te deixado sozinho, nada teria acontecido – E eu teria tido uma vida normal, completou mentalmente.

- Pelo amor de Deus Elena, você me deixou sozinho por quanto tempo? Dois minutos? Eu não me lembro muito bem daquela noite. Mais eu sei que sai de casa. Não me lembro porque, mas sai. Ninguém poderia imaginar que tinha um animal rondando por ali.

- Eu sei disso agora, mas antes eu não sabia. Como poderia? Eu era apenas uma criança. E acreditava que quase tinha matado meu irmão caçula – E os nossos pais, pareciam dizer isso a cada vez que me olhavam, pensou.

- Eu não posso imaginar o quão ruim foi pra você. Mas eu preciso que você me diga isso Elena. Preciso que você me conte. – Ele a olhou e seu olhar parecia queimar sua alma – Por favor, Lena – Ela quase chorou ao ouvir o antigo apelido.

- Todos acharam que eu estava ficando louca. E eu acho que de certa forma estava. O ano depois de tudo, que passei aqui, não me deixavam nem chegar perto de você. Você ainda se recuperava dos ferimentos que tinham sido muito graves. Os médicos acharam que você não ia resistir, mas você foi forte e sobreviveu. Mas teve que ficar muito tempo na clinica. Te monitoravam vinte quatro horas e nossos pais passavam mais tempo lá do que aqui. Eu me sentia culpada, tão culpada que achava que merecia morrer. Então parei de comer, de dormir, de lutar. Acho que nossos pais não podiam lidar comigo, não daquele jeito e ainda ter que tomar conta de você.

- Então te mandaram para o tio John – Ela assentiu.

- Eu não quis ir, mas eles não tinham outra opção. Acho que me doparam e quando acordei já estava em Nova York na casa do nosso tio. Eu o odiei. Não só ele como os nossos pais. Eles haviam me tirado de perto de você. Eu piorei, e tive que ser internada em um hospital. Tio John cuidou de mim, ele me deu forças e esperanças. Ele me fez acreditar que tinha um mundo lá fora que precisava de mim, que eu poderia fazer alguma diferença e eu acreditei nele. Ele me salvou Jeremy. Ele cuidou de mim, me ensinou, me tornou tudo o que eu sou hoje.

- Eu fico feliz. Por você não ter desistido. Não saberia viver sabendo que você morreu por minha causa – Ela percebeu como a situação era igual para os dois. Se ele morresse ela não se perdoaria. Se ela morresse, seria ele que não se perdoaria.

- E eu fico feliz por não ter morrido também, viver definitivamente é legal – Ela disse e eles riram.

- E como foi viver com o tio John? Jenna disse que ele é dono de uma empresa e viaja muito – Ela sorriu do disfarce do seu tio. Uma mentira mascarada na verdade. John realmente era dono de uma empresa a Vampire Ink. Especializada em acabar com os vampiros do mundo.

Quando Elena soubera daquilo havia ficado ultrajada. Receber dinheiro para ajudar as pessoas era horrível. Mas então ela entendeu que sem dinheiro não podiam fazer nada. Não podiam treinar mais caçadores, não podiam comprar equipamentos. O dinheiro movia o mundo, até mesmo o deles. Depois que descobriu que John só cobrava de gente com condições financeiras bastante elevadas, ela também entrou na jogada. Hoje era até sósia da empresa, e já tinha acumulado alguns milhões em uma conta pessoal. Quando pensava no dinheiro que tinha, pensava em Jeremy e em seu futuro.

- Foi bom, sabe. Viajamos muito. Acho que já conheci a maior parte do mundo ou pelo menos metade dele.

- E enquanto isso eu nunca sai de Mystic Falls – Falou ele sentido e ela sorriu.

- Mais não seja por isso. Se você quiser podemos viajar, pra qualquer lugar do mundo que você queira.

- Serio?

- Sim.

- Não sei , acho que a Jenna não vai deixar.

- Não se preocupe com ela, deixe que eu cuide disso.

- Se é assim tudo bem. Mas somente durante as férias, porque daqui a dois meses meu ano letivo começa.

- Eu sei, o meu também começa – Ela disse sorrindo.

- Não me diga, que você se matriculou na Robert E. Lee High School

- Claro Jer, se eu vou morar em Mystic Falls, eu tenho que estudar em Mystic Falls.

Elena quase sufocou com o abraço apertado que recebeu. Mas estava tudo bem.

Estava tudo bem.
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Silmy em Seg Out 17, 2011 8:22 am

Eu tenho mais um pouco escrito até agora.
E estou me aproximando já de um momento otimo , o encontro de Stefan e Elena
Vocês vão amar... (espero)
Beijos gente!
Até mais tarde ( vou dormir agora)
avatar
Silmy

Mensagens : 1116
Data de inscrição : 04/10/2011
Idade : 26
Localização : Salvador

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: The Hunter

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 35 Anterior  1, 2, 3, 4, 5 ... 19 ... 35  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum