Parceria
SIGMA CAMISETAS
Votação

Quem você quer entrevistar?

64% 64% [ 9 ]
36% 36% [ 5 ]

Total dos votos : 14


Para sempre sua

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Para sempre sua

Mensagem por vanzhan_fics em Qui Jul 14, 2011 6:42 pm


Sinopse: O amor de Damon Salvatore e Elena Gilbert era algo notável para todos. Mas Damon não se encaixava no quadrante da nobreza, por tanto jamais poderia ser o homem certo para Elena ao ponto de vista de seus pais.
Elena e seus pais mudam-se para Fell's Church, onde a jovem é prometida a Stefan Salvatore.
Dois irmãos separados pelo destino e unidos pelo desejo do amor.
Embarque nessa história e vicie-se neste belo conto de amor.
The vampires diaries, amor se escreve com sangue.


Classificação: +16
Categorias: The Vampire Diaries
Gêneros: Amizade, Hentai, Romance, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade






Prefácio:

Cúmplices

Somos cúmplices de uma loucura.
Querer fazer do impossível...
Algo tangível


Somos cúmplices do medo
De demonstrar esse segredo
Do mundo virtual.

Somos cúmplices de um sonho.
Sair deste mundo enfadonho
Pra viver uma fantasia.


Somos cúmplices da vontade
De alcançar
A verdadeira felicidade.

Somos cúmplices de uma paixão
Que cresce fora
Do alcance das mãos.


Somos cúmplices
De um sentimento,
Vivido só em pensamento.

Somos cúmplices
Da nossa cumplicidade
Lutando contra a realidade.

Somos cúmplices
De um crime que nos redime
Por não haver provas.


Somos cúmplices do desejo
De roubar um beijo
Através da alma.


[Silvia Munhoz]







Olhei pela última vez em seus olhos antes de partir, eu sentia tanto que meus pais realmente achassem que aquilo era melhor para mim, mais o que eles não poderiam saber, era o amor, o desejo, o prazer, que somente ele, somente ele seria capaz de me proporcionar. Mais isso era uma coisa que ninguém seria capaz de entender, essa maldita ditadura, que eles nos infiltravam a cada dia.

- Damon. Eu te amo... te amo. – chorei. – Não conseguirei viver sem você. – ele me puxou para seus braços, suas mãos acariciaram meus cabelos, enquanto afundava meu rosto em seu peito, procurando aproveitar nossos últimos momentos.

- Elena, você é minha vida, não permitirei que isso permaneça por muito tempo, você será minha, assim como eu já sou completamente seu, estou em suas mãos.

- Já sou sua, cada pedaço do meu corpo tem a tua presença, e nunca ninguém a substituirá, serei para todo o sempre sua Damon, Sempre. – mais lágrimas.





- ELENA, QUERIDA ONDE ESTAIS? ESTÁ NA HORA! – Damon olhou em meus olhos, roçando seus lábios nos meus, envolvi seu pescoço enquanto ele aprofundava nossos beijos.









***************************



Estávamos na carruagem, em busca de uma nova vida aos olhos de meus pais, eles diziam que minha amizade com Damon estava ficando perigosa, e que eu iria acabar destruindo minha vida, que ele não seria o marido ideal; mais marido ideal aos vossos olhos era um marido rico, que poderia me proporcionar riquezas ao em vez de amor e uma vida feliz, infelizmente bens matérias falam mais alto.

Eu chorava, não conseguia conter as lágrimas, mamãe passou os dedos em meu rosto, tentando faze-las sumirem, mais por mais que eles tentassem, a dor que eles estavam me infligindo estava a cada momento mais presente em mim.


Última edição por vanzhan_fics em Sab Set 10, 2011 9:53 am, editado 2 vez(es)
avatar
vanzhan_fics

Mensagens : 19
Data de inscrição : 22/03/2011
Idade : 22
Localização : RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Keroll Salvatore em Qui Jul 14, 2011 6:51 pm

Van, (posso te chamar assim?)
Eu adoro a "Para sempre sua"!! Eu a li uma vez no Nyah.com
Tenho certeza d q as meninas vão gostar mt!!!
avatar
Keroll Salvatore

Mensagens : 1194
Data de inscrição : 12/06/2011
Idade : 19
Localização : Banheira do Damon com o Damon, claro =D

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Laala saalvatore ;) em Qui Jul 14, 2011 7:10 pm

Van, adoorei mesmo!! Sua ideia é ótima!
Coitada da Elena!!!!
Vou acompanhar mesmo, viu Smile
Beijinhos!
avatar
Laala saalvatore ;)

Mensagens : 716
Data de inscrição : 05/04/2011
Idade : 20
Localização : São Paulo - SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Fran Salvatore em Qui Jul 14, 2011 9:53 pm

Vc aqui??? Lembra de mim??
Sua fã lok do Nyah quebrigou com vc no ultimo review???? Embarassed
kkkkkkkkk.......
Para quem queer saber por mim, essa fic eh otima, muito perfeita, a autora eh diva e escreve divinamente bem!!
Bjoxx
avatar
Fran Salvatore

Mensagens : 1248
Data de inscrição : 27/04/2011
Localização : Santa Catarina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por manuoc em Qui Jul 14, 2011 9:59 pm

Adorei a sua idéia,
aguardando mais =D
avatar
manuoc

Mensagens : 747
Data de inscrição : 08/05/2011
Idade : 27
Localização : Feira de Santana - Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Fran Salvatore em Qui Jul 14, 2011 10:00 pm

manuoc escreveu:Adorei a sua idéia,
aguardando mais =D

Manu tem dois novos caps na minha fic...
Senti sua falta
Bjoxx
avatar
Fran Salvatore

Mensagens : 1248
Data de inscrição : 27/04/2011
Localização : Santa Catarina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Miriam Salvatore em Qui Jul 14, 2011 10:41 pm

Gostei da ideia ...
Vou acompanhar..
avatar
Miriam Salvatore

Mensagens : 3362
Data de inscrição : 29/03/2011
Idade : 25
Localização : Caxias do Sul RS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Jenn em Qui Jul 14, 2011 10:55 pm

nova fã aqui!! xD
avatar
Jenn

Mensagens : 8852
Data de inscrição : 12/04/2011
Localização : chegandooo!! e vou te pegar!! xDD

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Miriam.Pierce em Sex Jul 15, 2011 4:09 am

Adorei a ideia van....vou acompanhar de certeza...
Posta logo viu
avatar
Miriam.Pierce

Mensagens : 200
Data de inscrição : 18/06/2011

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Mariana Pierce em Sex Jul 15, 2011 11:32 am

Vanzhan amei a ideia da sua fic
Eu vou acompanhar com certeza I love you
avatar
Mariana Pierce

Mensagens : 7422
Data de inscrição : 07/06/2011
Idade : 18
Localização : Belo Horizonte - MG

Ver perfil do usuário http://weloveit.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan em Dom Jul 17, 2011 5:34 pm

vanzhan_fics escreveu:
Sinopse: O amor de Damon Salvatore e Elena Gilbert era algo notável para todos. Mas Damon não se encaixava no quadrante da nobreza, por tanto jamais poderia ser o homem certo para Elena ao ponto de vista de seus pais.
Elena e seus pais mudam-se para Fell's Church, onde a jovem é prometida a Stefan Salvatore.
Dois irmãos separados pelo destino e unidos pelo desejo do amor.
Embarque nessa história e vicie-se neste belo conto de amor.
The vampires diaries, amor se escreve com sangue.


Classificação: +16
Categorias: The Vampire Diaries
Gêneros: Amizade, Hentai, Romance, Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade






Prefácio:

Cúmplices

Somos cúmplices de uma loucura.
Querer fazer do impossível...
Algo tangível


Somos cúmplices do medo
De demonstrar esse segredo
Do mundo virtual.

Somos cúmplices de um sonho.
Sair deste mundo enfadonho
Pra viver uma fantasia.


Somos cúmplices da vontade
De alcançar
A verdadeira felicidade.

Somos cúmplices de uma paixão
Que cresce fora
Do alcance das mãos.


Somos cúmplices
De um sentimento,
Vivido só em pensamento.

Somos cúmplices
Da nossa cumplicidade
Lutando contra a realidade.

Somos cúmplices
De um crime que nos redime
Por não haver provas.


Somos cúmplices do desejo
De roubar um beijo
Através da alma.


[Silvia Munhoz]







Olhei pela última vez em seus olhos antes de partir, eu sentia tanto que meus pais realmente achassem que aquilo era melhor para mim, mais o que eles não poderiam saber, era o amor, o desejo, o prazer, que somente ele, somente ele seria capaz de me proporcionar. Mais isso era uma coisa que ninguém seria capaz de entender, essa maldita ditadura, que eles nos infiltravam a cada dia.

- Damon. Eu te amo... te amo. – chorei. – Não conseguirei viver sem você. – ele me puxou para seus braços, suas mãos acariciaram meus cabelos, enquanto afundava meu rosto em seu peito, procurando aproveitar nossos últimos momentos.

- Elena, você é minha vida, não permitirei que isso permaneça por muito tempo, você será minha, assim como eu já sou completamente seu, estou em suas mãos.

- Já sou sua, cada pedaço do meu corpo tem a tua presença, e nunca ninguém a substituirá, serei para todo o sempre sua Damon, Sempre. – mais lágrimas.





- ELENA, QUERIDA ONDE ESTAIS? ESTÁ NA HORA! – Damon olhou em meus olhos, roçando seus lábios nos meus, envolvi seu pescoço enquanto ele aprofundava nossos beijos.









***************************



Estávamos na carruagem, em busca de uma nova vida aos olhos de meus pais, eles diziam que minha amizade com Damon estava ficando perigosa, e que eu iria acabar destruindo minha vida, que ele não seria o marido ideal; mais marido ideal aos vossos olhos era um marido rico, que poderia me proporcionar riquezas ao em vez de amor e uma vida feliz, infelizmente bens matérias falam mais alto.

Eu chorava, não conseguia conter as lágrimas, mamãe passou os dedos em meu rosto, tentando faze-las sumirem, mais por mais que eles tentassem, a dor que eles estavam me infligindo estava a cada momento mais presente em mim.
avatar
vanzhan

Mensagens : 5
Data de inscrição : 16/09/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan em Dom Jul 17, 2011 5:40 pm

Meninas, mto obrigada pelo carinho e pela atenção que estão me dando nessa fic!
Fraaaaan! >< Você por aki Rsrs'
Keroll Obrigada, rs, espero que as meninas gostem mesmo rs
Bjãao gatas saradas vou postar o segundo cap já já!
avatar
vanzhan

Mensagens : 5
Data de inscrição : 16/09/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan em Dom Jul 17, 2011 5:50 pm



Capítulo1.

Atravesso a ponte em busca de ti,



Percorro mil léguas,
Percorro o horizonte,

Sem deixar de pensar,


Que estás longe demais para te abraçar.
Intimido a distância a ficar junto a mim,

Numa vaga esperança,

Que se apaixone por mim.


Convoco o luar, e as estrelas também,
Pode ser que assim tu fiques também.

A distância que nos une,

É uma lágrima a cair,

É o coração a sorrir,

A distância que nos separa,

É o coração a partir.

Distância porque te ausentas de mim?

Numa luta sem fim, Que me deixa assim.

[autor desconhecido]


Mal
chegamos, um rapaz alto e muito belo, - sua beleza me lembrou meu amado
Damon. - estava se encaminhando em direção a nós, ele ajudou-me a sair
da carruagem, beijando-me na mão, e olhando profundamente em meus olhos.

- Seje bem vinda srt. Gilbert, sou Stefan Salvatori. - aquele nome me
sobressaltou, Salvatori, muita coincidência este bendito nome, mais uma
coisa para me prender ainda mais a meu Damon, mais ele prometera que
estariamos juntos novamente, que eu seria somente dele, e ele somente
meu, para todo o sempre. Sorri com a lembrança.
- Obrigada
Sr. Salvatori. - era de se encarar com muita estranhesa, que embreve
estaria casada a ele se o destino não fosse justo comigo, era estranho
me imaginar casada com alguém que não amo, que não conheço, me casar com
um completo estranho. Deus há de ser bom comigo, e colocara novamente
meu Damon em minha vida.
Ele passou meu braço por entre seu braços, e caminhou comigo até a grande casa.

Era luxuosíssima, paredes altas, de tons claros, comodos grandes que
comportava muito bem os moves, que por sinal de muitíssimo bom gosto.

Ele me mostrou todo seu património, depois nos encaminhamos para o
grande salão para encontrarmos seus pais, que me trataram muito bem;
mais nem aquilo era capaz de me tirar as lembranças de Damon da memória.
Fomos para o jardim, meus pais acharam melhor começarmos a nos conhecer melhor.
- Srt. Gilbert...
- Elena. Somente Elena Sr. Salvatori.

- Como queira, então sou somente Stefan. Serei franco com a Srt. Eu amo
alguém, sou completamente apaixonado por ela, espero que não esteja
desepicionando a Srt. mais eu a amo mais que a mim, e algo me intriga...
ela tem uma semelhança estraordinária com a srt. parecem irmãs,
gêmeas... são idêntica...
- Também amo alguém Stefan, e sou
totalmente contra esse casamento, eu amo Damon com a mesma intencidade
que ama sua amada cujo nome não é de meu conhecimento.- fui
interrompida.
- Katherine Pierce. Damon? - ele pareceu pensativo, mais calou-se.

- O que tem ele? O conhece? - perguntei tentando entender sua espreção,
e tentar ver alguma explicação para a semelhança e o nome entre eles.
- É um assunto que não posso estabelecer com a senhorita, me perdôe, mais em breve talvez eu possa contar-lhe. - acenti.

- O que faremos, se nunca haverá amor entre nós? Se nunca, jamais,
pertenceremos um ao outro por completo? Seremos capazes de enfrentar uma
farça?
- Creio eu que sim Srt. Gilb... Elena. O que
faremos? Não temos saída. Eu farei o possivel para livrarmos disso, mais
nosso casamento é um casamento grandioso para a sociedade, para o
futuro, para nossas famílias; nosso casamento será tão bom para os
negócios da minha família quanto da sua. Por enquanto não temos
alternativa, a não ser encarar essa fatídica situação. - abaixei minha
cabeça, ele estava certo, tinhamos que pensar em como sair dessa
enrascada, estavamos sentindo-nos como duas agulhas em um palheiro, sem
ninguém para nos livrar do emaranhado em que nos encontrávamos.
Tínhamos que arrumar uma solução, uma razão, uma oportunidade para sair deste casamento forjado.






Capítulo 2.


Fantásticos momentos que juntos passamos, Plenos de promessas que juntos juramos, Ricos de ternura, prazer e emoção.... Suspiros intensos, olhares calientes, Afagos, abraços e beijos, ardentes, Momentos dourados como o sol de verão. A brisa que sopra ao entardecer Que aos outros um pouco de frio vem trazer, Em nós reacende o desejo, o fervor... Não existe clima que apague essa chama Que a nós incendeia, acende, inflama, Pois nosso amor... é puro esplendor! [Oriza Martins]



Suas mãos acariciavam meu corpo, enquando seus lábios devoravam os
meus com volúpia, seu toque era quente, e ao mesmo tempo
reconfortante, agarrei-me em seus cabelos, impedindo-o de afastar-se
de mim.

Acordei aturdida, e completamente suada.


Levantei-me, e caminhei até a janela, ainda era noite, mais
contando com a hora que vim deitar, já era madrugada, e todos estariam
dormindo.

Vesti um robe bastante longo, para que
cobrisse minhas vestes, abri a porta com cuidado para que não fizesse
barulho, desci as escadas com um pouco de pressa, asombrei-me com a
porta da casa aberta, corri até lá para fechar, mais Stefan estava na
varanda, sentado em um dos degraus, olhando o nada.

Era
bonito vê-lo ali, apesar de estar presente somente em corpo, absorto a
tudo em sua volta, ele era muito belo, era impressionante sua semelhança
ao meu Damon, em todos os sentidos.

Caminhei até ele, tocando seu ombro, e me sentando-me ao seu lado enquanto ele virava-se para me olhar.

- Esta tarde. - ele disse olhando em meus olhos.


- Perdi o sono. - seus olhos olhavam fixamente os meus, a intensidade
de seu olhar começava a me afetar, não sei dizer o que era isso que
estava sentindo, mais era ipnotizante, mas me agarrei a primeira
oportunidade que vi, e desviei o olhar.

Senti suas mãos
tirarem meus cabelos caído em meus olhos, o contato me fez estremecer,
não ousei olhar profundamente em seus olhos novamente.

- O que fez a senhorita perder o sono? - seu hálito batia em meu rosto, e me desnorteava. O que estava acontecendo comigo?

- Não é de muita importância, quero dizer... nada com que tenha que se preocupar.


- Se lhe preocupa, ou lhe deixa triste, é de extrema importância para
mim. - o olhei surpresa, o que ele estava falando? Por que estava
falando aquilo? - Não olhe-me assim, temos que manter o padrão.

- Estamos sós, não precisamos manter o padrão agora. - ele me olhou pensando no que dizer.

- Temos que treinar. - disse simplesmente enquanto voltava a olhar o amplo gramado a nossa frente.


- Se importa mesmo com o que a sociedade, ou nossas família pensarão,
ou agirão se decidirmos não nos casar? - disse ainda olhando-o, enquanto
ele tentava escapar de meu olhar.

- Não.

-
Então porque não acabamos logo com essa farça, esta palhaçada! Não
aguento mais ser "recriminada", embora a recriminação venha somente de
mim, mas não aguento mais toda essa pressão para uma coisa sem futuro.

- Por que insiste nisso? - disse já alterado, virando-se para me olhar.

- Por que você insiste nisso?

- Não se deve responder uma pergunta com outra pergunta Srt. Gilbert.

- Não se deve fugir da realidade que lhe assombra Sr. Salvatori.

- É exatamente disso que está fugindo Srt.


- Isso é uma realidade somente aos olhos da sociedade democrática, da
qual não pertenço, e nem pretendo pertencer, então estou tentando tornar
essa realidade mais acessivel para mim Sr. Salvatori.

- Torne essa realidade acessivel casando-se comigo Srt. Gilbert.

- Por que agora, a troco de não se o que, está tão focado nisso? - perguntei confusa.

- Por que estou... é dificil da Srt. entender, mais estou interessado em vossa senhoria.

- Sinto dizer-lhe que este interesse não é nada além de sentir-se confuso com minha semelhança com sua amada.

- Não senhorita, sinto dizer-lhe que amo-te. - sorri.

- Sinto dizer-lhe que jamais será correspondido. - ele olhou-me sério, e sorriu vitorioso.


- Sinto dizer-lhe que terá que providenciar sozinha o fim de nosso
noivado. - olhei-o furiosa, levantei-me e caminhei para dentro da casa,
subindo o mais depressa possível para meu aposentos, batendo a porta e
trancando-a.

Deitei-me na cama muito fula da vida, isso era
um fato impossivel de acontecer, um acontecimento que não poderia se
realizar, isso jamais poderia ir adiante, eu tinha que dar um jeito de
sair deste casamento ileza, sem ser tocada por ele, sem me envolver com
ele, e sem dar esperanças a ele.

Uma pessoa a qual julguei ser um aliado, tornou-se meu pior inimigo, meu maior problema.


avatar
vanzhan

Mensagens : 5
Data de inscrição : 16/09/2010

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Fran Salvatore em Dom Jul 17, 2011 7:24 pm

vanzhan escreveu:
Fraaaaan! >< Você por aki Rsrs'
!

Pois eh linda, k estou!! kkkkkk
Amo d mais essa fic....
avatar
Fran Salvatore

Mensagens : 1248
Data de inscrição : 27/04/2011
Localização : Santa Catarina

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Miriam Salvatore em Seg Jul 18, 2011 9:12 am

Stefan apaixonad por ela?
OMG e agora..
Posta mais...
avatar
Miriam Salvatore

Mensagens : 3362
Data de inscrição : 29/03/2011
Idade : 25
Localização : Caxias do Sul RS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Keroll Salvatore em Seg Jul 18, 2011 2:45 pm

Posta, posta, postaaaaaaaa!!! Shocked
avatar
Keroll Salvatore

Mensagens : 1194
Data de inscrição : 12/06/2011
Idade : 19
Localização : Banheira do Damon com o Damon, claro =D

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por manuoc em Ter Jul 19, 2011 2:35 pm

E o Stefan se apaixonou...
tô curiosa, será que ela também não vai?
posta mais lgooo
avatar
manuoc

Mensagens : 747
Data de inscrição : 08/05/2011
Idade : 27
Localização : Feira de Santana - Bahia

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan_fics em Seg Jul 25, 2011 10:18 am

HASUASUAHUSHA'
Babaão né?? rsrs'
avatar
vanzhan_fics

Mensagens : 19
Data de inscrição : 22/03/2011
Idade : 22
Localização : RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan_fics em Seg Jul 25, 2011 10:22 am

CAPÍTULO 3.


Aprendi que não posso exigir o amor de ninguém...
Posso apenas dar boas razões para que gostem de mim...
E ter paciência para que a vida faça o resto...


[ Willian Shakespeare ]



( Stefan Salvatori. )



- Meu pai, o Damon... ele a conhece.

- Quer dizer o que com isso meu filho? - disse enquando sentava-se em sua cadeira.

- Quero dizer que ela tem um envolvimento com ele, meu pai. - ele engasgou.

- Que tipo de envolvimento? - disse já alterado.

- Ela o ama.- ele me fitou com fúria, enquanto pegava sua caneca com chá, e caminhava até a janela.

- Olhe-a. - disse ele apontando para o jardim.

Aproximei-me, e pude ver ela olhando as flores, seu caminhar era sereno, ela me lembrara muito minha amada Katherine.

- Tente se aproximar, e convence-la de que o melhor é casar-se com você, Damon não pode sair ilezo disso, não pode ganhar essa guerra, agora mais do que nunca vou focar em seu casamento com a Srt. Gilbert.

- Meu pai, eu não a amo.

- E nem eu amava sua mãe quando me casei. - disse friamente.

- Você não tem moral para dizer uma coisa dessas meu pai, você teve um filho bastardo.

- Eu amava Elizabet...

- Amava tanto que deserdou seu filho. - disse o interrompendo.

- Não foi por que eu quizesse fazer isto, foi algo mais forte que eu, eu estava sendo obrigado, estava tentando recuperar a confiança de meu pai, estava fazendo com ele não me deserdasse.

- Estava sendo egoísta, como sempre foi.

- E você será egoísta como eu, case-se ou perdera sua erança. - olhei-o incrédulo. - Não olhe-me desta forma, esta olhando-me como se o que digo não seje nescessário.

- Se importa tanto com o que dizem ou acham disso tudo?

- Sim eu me importo, deveria se importar também, é nosso futuro.

- esta disposto a arcar com as piores baixezas só para conseguiur o que quer, só para não perder seu cargo de duque, é isto mesmo meu pai?

- É, e você não terá escolhas meu filho, a não ser arcar com as mesmas baixezas que eu. - o olhei com fúria, e sai de seu gabinete.





**************






Eu não consegui dormir, levantei-me e fui até a varanda.

Fiquei fitando o amplo gramado a minha frente, lembrando-me de cada momento bom que vivi, e que a partir de agora saber que fora tudo em vão, nunca mais veria minha amada, ou beijaria seus lábios, ou recitaria a ela todos os dias o quando a amo.

Senti mãos delicadamente frias tocando meu ombro coberto pela longa manda da blusa, virei-me para olha-lha enquando ela se sentava ao meu lado, era tão bela, e sua semelhança com Katheria me atormentava a cada malditos segundos.

- Esta tarde. - disse olhando fundo em seus olhos.

- Perdi o sono. - não estava conseguindo desviar meus olhos dos seus, como se algo a mais me prendesse ali, como se eu estivesse em casa, como se o que eu faria não fosse completamente errado.

Ela baixou a cabeça constrangida, fugindo de nosso contato visual, seus cabelos cairam sobre seu rosto, imposibilitando-me a olha-la, não exitei em tirar seus cabelos caídos, e a acariciar-lhe o rosto.

- O que fez a senhorita perder o sono? - eu estava perto de mais, não sabia se consegueria manter esta mínima distância, sem ousar tocar-lhe os lábios.

- Não é de muita importância, quero dizer... nada com que tenha que se preocupar.

- Se lhe preocupa, ou lhe deixa triste, é de extrema importância para mim. - ela me olhou surpresa, eu também estava, que merda eu estava falando? - Não olhe-me assim, temos que manter o padrão.

- Estamos sós, não precisamos manter o padrão agora. - olhei-a confuso, sem saber o que inventar de construtivo.

- Temos que treinar. - disse voltando minha atenção ao gramado, para que ela não percebesse a mentira por traz de mim.

- Se importa mesmo com o que a sociedade, ou nossas família pensarão, ou agirão se decidirmos não nos casar? - garota atrevida, seu olhar ainda me especulava.

- Não. - disse tentando controlar a raiva que começava a surgir em mim.

- Então porque não acabamos logo com essa farça, esta palhaçada! Não aguento mais ser "recriminada", embora a recriminação venha somente de mim, mas não aguento mais toda essa pressão para uma coisa sem futuro.

- Por que insiste nisso? - disse já alterado, virando-me para olha-la.

- Por que você insiste nisso?

- Não se deve responder uma pergunta com outra pergunta Srt. Gilbert.

- Não se deve fugir da realidade que lhe assombra Sr. Salvatori.

- É exatamente disso que está fugindo Srt.

- Isso é uma realidade somente aos olhos da sociedade democrática, da qual não pertenço, e nem pretendo pertencer, então estou tentando tornar essa realidade mais acessivel para mim Sr. Salvatori.

- Torne essa realidade acessivel casando-se comigo Srt. Gilbert. - pronto, as peças do jogo já estavam arrumadas no tabulheiro, e não tinha mais como voltar atraz, teria que terminar a partida.

- Por que agora, a troco de não se o que, está tão focado nisso? - ela parecia confusa e atormentada com minha revelação.

- Por que estou... é dificil da Srt. entender, mais estou interessado em vossa senhoria.

- Sinto dizer-lhe que este interesse não é nada além de sentir-se confuso com minha semelhança com sua amada.

- Não senhorita, sinto dizer-lhe que amo-te. - ela sorriu, e eu estava começando a sentir que tudo o que estava sento forçado a dizer, não seria de todo o mal, ela realmente estava me nvolvendo com seu jeito meigo, e adorável.

- Sinto dizer-lhe que jamais será correspondido. - olhei-a com seriedade, e sorri vitorioso.

- Sinto dizer-lhe que terá que providenciar sozinha o fim de nosso noivado. - ela olhou-me com furia, e se retirou.

Como sou um idiota! Eu queria acabar logo com isso, contar-lhe a verdade, dizer que tudo o que estava fazendo, estava sendo obrigado a fazer, e que aquilo era tão desagradável para mim quanto para ela.

Fiquei mais algum tempo ali, pensando em minhas jogadas futuras.
avatar
vanzhan_fics

Mensagens : 19
Data de inscrição : 22/03/2011
Idade : 22
Localização : RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Miriam Salvatore em Seg Jul 25, 2011 10:30 am

OMG Ttefan mau
Pensei qu ele tava apaixonado
avatar
Miriam Salvatore

Mensagens : 3362
Data de inscrição : 29/03/2011
Idade : 25
Localização : Caxias do Sul RS

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan_fics em Seg Jul 25, 2011 11:00 am

CAPÍTULO 4.



Sem sua presença
.






Vejo verdades omissas

Verdades sofridas

Verdades feitas de dor

Dores incuráveis

Perdões inalcançáveis

De tanto sofrer por amor.



Coração ferido,

Coração que sangra,

Sua falta me fere

Sua presença me assombra.



Do seu toque sinto a falta

De sua ausência sinto a dor,

Desprovida de seus beijos,

Desprovida de seu amor.



Quero tocar-lhe os lábios,

Sentir-lo perto de mim

Ser amada uma ultima vez,

Antes de afundar em um abismo sem fim.



[vanzhan_fics]





Acordei com o rosto inchado, havia chorado demais durante a noite.

Levantei-me, Bonnie me ajudou a me trocar.

Desci as escadas, indo para o grande salão, aonde todos se encontravam inclusive meu querido noivo.

Stefan mandou prepararem dois cavalos para passearmos pela redondeza, tentei fugir, mais meus pais não me deixaram escapatória a não ser aceitar.

Stefan me ajudou a montar em um dos cavalos, e logo montou no seu, cavalgamos lentamente, lado a lado.

Ele parou, o que me fez interromper as cavalgadas de meu cavalo, obrigando-me a olha-lo, ele desdeu do cavalo, amarando-o em uma árvore próxima, e saiu andando, como se estivesse sozinho ali.

Fiquei com muita raiva dele, ele era para me acompanhar, e estava indo embora?

Desci do cavalo, amarei-o junto ao seu rapidamente, e corri em sua direção, segurando firme em seu braço.

- Onde está indo? - minha voz saiu mais desesperada do que enraivecida.

- Quero que veja um lugar. - disse olhando minha mão que ainda segurava seu braço, corei enquanto a tirava imediatamente.

- O que foi? Não pode tocar seu noivo? - perguntou infurecido. - Não tenho nenhuma doença transmissível Elena.

- Não quero nada além de sua amizade Stefan, amigos não devem ficar se tocando. - disse enquando passava a caminhar à sua frente.

- Não deveria pensar assim, em breve será minha amada esposa Elena. - ela já estava acompanhando meus passos.

Andávamos lado a lado.

- Stefan... já falamos sobre isso. - disse furiosa.

- Realmente, já falamos, pensei que houvesse sido o suficiente para entender que eu a amo, e que casaremos em breve.

- Sabe que não é disso que falo Stefan. - disse alterando minha voz, como ele poderia usar de tanto sinísmo?

Senti suas mãos firmes envolverem meus ombros, ele me empurou até que minhas costas batessem na árvore mais próxima.

- Serei sincero com a srt. Eu não a amo, mas... estou tendo que fazer isso... mais estou confuso, estou começando sentir coisas em relação a você, mais você não está facilitando as coisas para mim, poderia me ajudar Srt. Gilbert.- o olhei incrédula.

- Stefan... Por que esta fazendo isso? Eu não o amo, você não me ama, não precisamos fazer isso, tem que me ajudar Stefan... Por favor. - meus olhos estavam embaçados, até que senti a lágrima escorrer.

Senti sua mão acariciar meu rosto, limpando quaisquer vestígio de lágrima.

- Eu quero você Elena. - disse aproximando seu rosto do meu.

Senti seus lábios roçarem levemente os meus, mais ele hesitava em aprofundar o beijo, sempre naquela tortura.

Agarrei-me em seus cabelos, acabando com a mísera distância que nos restava.

O beijo começou calmo, e logo senti a leve pressão de sua língua em meus lábios, nossas línguas dançavam em sincronia, senti suas mãos se postarem firmes em minha cintura, me precionando mais contra a árvore, enquanto seu corpo presionava fortemente o meu.

Suas mãos faziam caminhos por minha cintura, mais seu toque era cada vez mais forte, gemi em seus lábios, ele sorriu, precionando ainda mais seu corpo no meu.

Ele se afastou para respirarmos, encostou sua testa na minha, enquanto olha em meus olhos.

Foi ali, ali que vi que estava tudo acabado, estava perdida, a batalha que eu jurava estar quase ganhada, estava mais perdida do que nunca.
avatar
vanzhan_fics

Mensagens : 19
Data de inscrição : 22/03/2011
Idade : 22
Localização : RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan_fics em Seg Jul 25, 2011 11:01 am

Miriam Salvatore escreveu:OMG Ttefan mau
Pensei qu ele tava apaixonado


SUAHUSHUHSAU'
Digamos que ele esteja... interessado sakas?? Rs'
avatar
vanzhan_fics

Mensagens : 19
Data de inscrição : 22/03/2011
Idade : 22
Localização : RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Keroll Salvatore em Seg Jul 25, 2011 11:06 am

Elena sua... Evil or Very Mad Como vc ousa trair o Damonzito? Eu prevejo q vc vai se arrepender muuuuuuuuiito disso oks? Marque minhas palavras! #risada maléfica.
Amore está maravilhoso!!! Posta logo oks?
avatar
Keroll Salvatore

Mensagens : 1194
Data de inscrição : 12/06/2011
Idade : 19
Localização : Banheira do Damon com o Damon, claro =D

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan_fics em Seg Jul 25, 2011 11:12 am

Keroll Salvatore escreveu:Elena sua... Evil or Very Mad Como vc ousa trair o Damonzito? Eu prevejo q vc vai se arrepender muuuuuuuuiito disso oks? Marque minhas palavras! #risada maléfica.
Amore está maravilhoso!!! Posta logo oks?


AHSUAHUSAHUSA'
Né? Tadinha ela esta confusa KOAPSKOAPSKOAPS'
Vou postar agora rs'
avatar
vanzhan_fics

Mensagens : 19
Data de inscrição : 22/03/2011
Idade : 22
Localização : RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por vanzhan_fics em Seg Jul 25, 2011 11:14 am

CAPÍTULO 5.


Teu beijo.



Teu beijo foi-me uma droga,

Teu beijo me faz sentir um dependente químico,

Teu beijo deixou-me embriagado,

Teus lábios são como meu mel particular,

Feitos para me viciar.



Seu toque, meu toque,

Seu choro, meu choro,

Sua dor, minha dor,

Seu amor, nosso amor.



Seremos como um,

Serei seu, e tu serais somente minha,

Cada beijo,

Cada momento.



Quantas palavras ditas,

Umas um tormento.

Cada lágrima derramada,

Cada sorriso salvador,

Entre tantos olhares,

Nossos olhares,

Repleto de amor.



[ Vanzhan_fics ]





- Eu quero você Elena. - o que eu estava prestes a fazer? Eu não aguentava mais, queria poder sentir seus lábios nos meus, tudo o que eu tinha que fazer estava me confundindo, será que estava fazendo isso somente pelo plano? Acho que não, era difícil... mais eu tinha que adimitir que Elena era um ser encantador, e eu realmente estava envolvendo-me emocionalmente por ela, queria que o sentimento fosse recíproco.

Fiquei parado, somente tocando seus lábios nos meus, estudando sua reação, ela agarrou meus cabelos, seus lábios se moveram nos meus, ela entreabriu os lábios, uma oportunidade incrível, invadi seus lábios com minha língua, desci minhas mãos por seu corpo, prendendo sua cintura, e forçando seu corpo contra a árvore, minhas mão faziam caminhos por seu corpo, pude ouvi-la gemer em meus lábios, sorri, e precionei ainda mais seu corpo contra a árvore.

Afastei nossos lábios, dando alguns selinhos antes de interromper o beijo, precisávamos respirar, encostei minha testa na dela, fitando seus olhos.

- Não sai da minha vida. - ela pediu, em seguida suas mãos que ainda estavam agarradas em meus cabelos, desceram para os meus ombros, ela os apertou, e lançou seu corpo no meu, seus braços envolveram meu pescoço, e os meus sua cintura, ficamos abraçados.

- O que você fez comigo Elena?

- Esta arrependido? - ela se afastou para me olhar.

- Estou apaixonado. - ela sorriu, e novamente aproximou seus lábios dos meus. - muito apaixonado. - disse quando ela se afastou novamente. Ela riu.

- Eu não sei o que eu estou sentindo, mais eu quero continuar sentindo Stefan, é estranho, mais ... é bom.

- Eu não sei o que eu estou sentindo, mais eu quero continuar sentindo Elena, é estranho, mais é bom. - ela riu, pegou minha mão e olhou em meus olhos.

- Aonde queria me levar?

- Nas antigas ruínas da minha família. - sorri, ela olhou-me curiosa, e eu sorri. - Ruínas é modo de dizer, não esta completamente em ruínas, só é um lugar que não tem mais habitação. - ela sorriu.

- Entendi. Vamos?

- Vamos. - disse tocando seus lábios, pegando em sua mão, e levando-a pela estrada de barro até as ruínas.
avatar
vanzhan_fics

Mensagens : 19
Data de inscrição : 22/03/2011
Idade : 22
Localização : RJ

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Para sempre sua

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum